Villarreal vence Valencia fora de casa e garante classificação aos playoffs da Champions

Submarino amarelo foi superior, mesmo fora de casa, e bateu os valencianos por 2 a 0; resultado garantiu a classificação dos amarelos na competição europeia

Villarreal vence Valencia fora de casa e garante classificação aos playoffs da Champions
Foto: Jose Jordan/AFP/Getty Images
Valencia
0 2
Villarreal
Valencia: Diego Alves; Guilherme Siqueira, Mustafi, Aderllan Santos e Cancelo; Javi Fuego, Dani Parejo e André Gomes; Santi Mina, Rodrigo e Negredo
Villarreal: Areola; Bonera, Musacchio, Rukavina e Marín; Trigueros, Castillejo, Samu e Rodri Hernández; Soldado e Adrián
Placar: 0-1, min.14, Samu. 0-2, min.32, Adrián
INCIDENCIAS: Partida válida pela 36° rodada do Campeonato Espanhol, disputada no Estádio Mestalla.

O Villarreal precisava vencer para garantir classificação na Uefa Champions League. E venceu. Diante do Valencia, no Estádio Mestalla, os visitantes foram superiores aos valencianos e venceram por 2 a 0, em partida válida pela 36° rodada do Campeonato Espanhol 2015/16.

Aos 14, Samu abriu o placar, após passe de Soldado. Ainda no primeiro tempo, aos 32, Soldado novamente descolou passe para o gol, desta vez para Adrián, que bateu bem para ampliar e confirmar a vitória do submarino amarelo. 

Com o resultado, a equipe se garantiu no G-4, e com isso, estará nos playoffs da Uefa Champions League. Já o Valencia, não disputa mais nada na temporada. No próximo domingo (8), os valencianos visitam o Real Madrid, no Santiago Bernabéu. Já o Villarreal recebe o Deportivo La Coruña, também no domingo. 

#
Time
PT
V
E
D
Barcelona 85 27 4 5
Villarreal 64 18 10 8
Athletic Bilbao 58 17 7 2
Valencia 44 11 11 14

Villarreal é superior e abre dois de vantagem na primeira etapa 

Mesmo jogando fora de casa, era o submarino amarelo quem precisava do resultado, uma vez que o Valencia não disputava  mais nada na competição, faltando duas rodadas. Os visitantes tiveram de mostrar suas armas, com linhas altas e intensidade no ataque. 

Aos 14 minutos, Soldado fez ótima jogada e deu assistência para Samu. O camisa 7 tirou do goleiro e abriu o placar no Mestalla. O Villarreal era melhor, tinha mais vontade e fazia justiça no placar. 

Mesmo com a desvantagem no placar, os valencianos não pareciam se importar muito com a derrota. Sem atitude, a equipe não respondeu à altura, e viu-se dominada pelos visitantes, dentro de sua própria casa. Aos 24, Rodrigo Hernández chutou cruzado com perigo, para Diego Alves espalmar para escanteio. O Villa queria mais. 

Ao natural, o submarino amarelo logo ampliou o placar. Aos 32 minutos, Soldado, novamente, descolou um passe para gol. O atacante Adrián Lopes recebeu e finalizou bonito, solidificando o 2 a 0 na primeira etapa. Vasta vantagem para os visitantes, que pareciam jogar em casa.

E a primeira etapa encerrou-se com a supremacia do submarino amarelo, e o Valencia, dono de seu território, não parecia se importar com o placar adverso, já que não disputava mais nada na tabela. 

Adrián marcou o segundo gol do Villarreal no primeiro tempo (Foto: Getty Images)
Adrián marcou o segundo gol do Villarreal no primeiro tempo (Foto: Getty Images)

Villarreal se defende bem, segura Valencia e garanta vaga na Champions

O Valencia voltou melhor no segundo tempo. Jogando por uma bola para matar a partida de vez, o Villarreal esperava os donos da casa no seu campo, e por isso, sofria com a pressão dos mandantes. 

O submarino amarelo se defendeu bem nos primeiros minutos e sempre levava perigo com as transições rápidas, buscando um contragolpe mortal para matar o jogo. A entrada de Bruno deu velocidade ao time, que tinha o jogo sob controle no Mestalla.

Aos 20 minutos, uma trapalhada gigantesca do sistema defensivo, que por pouco não resultou em gol: Bruno cruzou na área, Mustafi se atirou de carrinho para afastar o perigo, mas desviou contra o seu próprio gol; a bola foi lentamente de encontro à trave, e saiu em linha de fundo. 

Os valencianos tocavam bem a bola, mas não conseguiam envolver os visitantes, por conta do ferrolho armado pelos amarelos. Dani Parejo era quem mais tentava, mas faltava criatividade para dar o último passe. Sem reação, o Valencia esbarrou no ferrolho amarelo e saiu derrotado no Mestalla.

Valencia esbarra no ferrolho amarelo e não consegue marcar (Foto: Getty Images)
Valencia esbarra no ferrolho amarelo e não consegue marcar (Foto: Getty Images)