Buscando quebrar tabu, Real Madrid encara Valencia na reta final do Espanhol

Após se classificar para a final da UCL, blancos viram a chave e focam no Espanhol para conseguir o 33º título; Com campanha decepcionante, Valencia buscam vencer equipe da capital para ser o único time a derrotar Barça e Real no Espanhol

Buscando quebrar tabu, Real Madrid encara Valencia na reta final do Espanhol
Real Madrid
Valencia
Real Madrid: Kiko Casilla; Danilo, Pepe, Ramos, Marcelo; Casemiro, Kroos, Modric; Lucas Vázquez, Benzema e Cristiano Ronaldo.
Valencia: Diego Alves; Barrangan, Mustafi, Aderlan, Guilherme Siqueira; Fuego, Enzo Pérez, Parejo; Rodrigo, Alcácer, André Gomes.
INCIDENCIAS: Partida válida pela 37ª rodada do Campeonato Espanhol, a ser jogada neste domingo (8), ás 12h, no Santiago Bernabéu, em Madri.

A cada rodada que se passa, a expectativa aumenta: Quem será o campeão do Campeonato Espanhol essa temporada de 2015/2016? Válido pela 37ª rodada da Liga das Estrelas, um dos candidatos ao título, o Real Madrid recebe o Valencia, no Santiago Bernábeu, nesse domingo (8), em rodada com horário único para todos os jogos, às 12h. 

Na terceira colocação, com 84 pontos ganhos, os merengues estão apenas com um ponto a menos que o primeiro e o segundo colocado, Barcelona e Atlético de Madrid. Após a classificação para a final da Uefa Champions League - diante o Manchester City - anteriormente o Real Madrid havia ganho por 1 a 0 em duelo com o Real Sociedad, na rodada passada Rdo Espanhol, fora de casa.

Com uma campanha bem decepcionante, o Valencia é apenas o nono colocado, com 44 pontos. A saída de Gary Neville e a entrada de Pako Ayestaran ajudou os morcegos a se recuperarem e melhorar sua colocação, já que ficou grande tempo da temporada lutando na zona de rebaixamento para a Liga Adelante. Na rodada passada, fora de casa, empatou em 2 a 2 com o Getafe.

Pela "undécima", Real Madrid vai com time misto

Desde a temporada 2010/2011, os blancos não conseguem vencer o Valencia no gramado sagrado de Chamartín. São quatro empates: 

Histórico do confronto no Santiago Bernabéu, desde 2011/2012

Temporada Resutados
2011/2012 Real Madrid 0 x 0 Valencia
2012/2013 Real Madrid 1 x 1 Valencia
2013/2014 Real Madrid 2 x 2 Valencia
2014/2015 Real Madrid 2 x 2 Valencia

Sobre o tabu, o treinador Zinedine Zidane não escondeu a frustação pelos numeros, mas relatou que acredita na vitória: "Estamos preparados e motivados. Queremos a vitória e o título. Respeitamos o Valencia e eles são duros, mas acabaremos com esse tabu", disse.

O jogo marca a volta do centro-avante Karim Benzema, que deverá ser títular nesse domingo (8). O francês estava com um desgaste físico e não jogava desde o jogo de ida das semis da Champions League, contra o City. 

Também é o último jogo de Alvaro Arbeloa no Santiago Bernabéu. O lateral espanhol, conhecido por ser um madridista fanatico, não terá seu contrato renovado com o time merengue. "É um jogador de casa. Cresceu aqui, saiu e depois voltou. Os torcedores o amam e ele sempre deu o sangue por essa camisa branca. Queremos que esse jogo seja especial para ele", disse Zizou sobre o camisa 17.

Com dez vitórias seguidas e atrás da sua 'undécima', assim vai o provável Real Madrid com algumas mudanças do time que se classificou para a final da UCL em Milão: Kiko Casilla; Danilo, Pepe, Ramos, Marcelo; Casemiro, Kroos, Modric; Lucas Vázquez, Benzema e Cristiano Ronaldo.

"Não precisamos de motivação extra quando jogamos no Bernabéu", diz Ayestaran 

Após ótima campanha temporada passada, com a classificação para a Uefa Champions League, o Valencia já pensa na temporada que vem. Sem chances de cair, de conseguir uma vaga para competições européias ou de título, os morcegos não tem mais nenhuma ambição no Campeonato.

Mas para o mexicano Pako Ayestaran, seus jogadores não precisam de nenhum tipo de motivação nesse jogo. Para ele, jogar num templo do futebol, como é o Bernabéu, já é a motivação suficiente: "Mais de 80 mil pessoas te vendo, transmissão para todo o mundo, contra o maior vencedor de Champions (League). Não precisamos de motivação, isso já é o bastante."

"Sabemos que não foi a temporada imaginada. Por isso, quero a vitória, para que possamos levar alguma coisa boa dessa temporada. Já vencemos o Barcelona na sua casa. Queremos vencer o Real Madrid também", disse o comandante dos morcegos. 

No onze inicial do Valencia, a grande surpresa é a do winger português André Gomes, que volta de lesão: Diego Alves; Barrangan, Mustafi, Aderlan, Guilherme Siqueira; Fuego, Enzo Pérez, Parejo; Rodrigo, Alcácer, André Gomes.