Barcelona encara Granada precisando apenas de uma vitória para ser campeão

Título que para muitos já estava decidido será disputado na última rodada, já que o rival Real Madrid ainda está vivo na competição

Barcelona encara Granada precisando apenas de uma vitória para ser campeão
Granada
Barcelona
Granada: Andrés; Lopes, Babin, Ricardo Costa, Biraghi; Rochina, Pérez, Doucouré, Cuenca; Peñaranda, El-Arabi.
Barcelona: Ter Stegen; Dani Alves, Piqué, Mascherano, Jordi Alba; Iniesta, Busquets, Rakitic; Neymar, Suárez, Messi.
ÁRBITRO: Alejandro José Hernández.
INCIDENCIAS: Partida válida pela 38ª rodada do Campeonato Espanhol 2015/2016. Realizada no Estádio Nuevo Los Cármenes, em Granada, na Espanha.

No início da tarde deste sábado (14) o Barcelona vai atrás do bicampeonato da Liga Espanhola diante do Granada, fora de casa às 12h. Sem mais pretensões na competição, o El Grená busca parar o Trio MSN, que foi do "céu ao inferno" neste segundo semestre e que segue sonhando com mais um doblete para a história do clube. Mas para isso, somente a vitória interessa para a equipe de Luis Enrique, a não ser que o Real tropece diante do Deportivo La Coruña.

Ameaçado durante quase toda a temporada, o Granada se garantiu na elite do futebol espanhol no último domingo (8), com uma expressiva vitória diante do embalado Sevilla. O confronto realizado no Ramón Sánchez Pizjuán terminou em 4 a 1 para os comandados José González. Com a vitória, o Granada alcançou os 39 pontos ganhos. O Sporting Gijón, primeira equipe do Z-3, pode até igualar a pontuação do El Grená, entretanto, perderá no primeiro critério de desempate que é o confronto direto.

De uma equipe praticamente imparável com seu Trio MSN em uma fase extraordinária, a eliminado da Uefa Champions League e com o título de La Liga ameaçado, algo quase impensável anteriormente por boa parte da imprensa: esse foi o segundo semestre da equipe catalã. Mesmo que finalista da Copa do Rei, o bicampeonato espanhol é visto na Catalunha como obrigação para uma equipe que quebrou o recorde de vitórias na Espanha nesta temporada.

Livre do Z-3, González acredita no contra-ataque para complicar vida do Barça

Com o objetivo já alcançado nesta temporada, o treinador do Granada, José González quer "estragar" a festa catalã na base da velocidade de seu contra-ataque. Entretanto, terá como baixa o atacante Isaac Success, um dos principais destaques da fraca campanha da equipe.

"Vamos sofrer um pouco nos minutos iniciais, iremos correr atrás da bola pois quem estará disputando o título será nosso adversário. Entretanto, com o passar do tempo e as chances perdidas vamos aproveitar os contra-ataques para surpreender", afirmou em entrevista coletiva.

"Sabemos quem vamos enfrentar e vamos utilizar nossas armas o mais rápido possível. É uma tarefa extremamente complicada mas buscaremos igualar as oportunidades dentro de campo. Vencer seria um lindo prêmio para nós e para os torcedores, por tudo que sofremos nesta temporada", ressaltou.

González ainda comentou sobre as possíveis investigações sobre partidas envolvendo o Granada neste final de temporada.

"Me entristece que se coloque em dúvida o lado profissional de qualquer jogador, em um futebol de extrema competitividade me deixa triste que apareçam declarações equivocadas que coloquem em dúvida o profissionalismo de certas equipes", concluiu.

Luis Enrique não quer depender de tropeço do Real, e também condena qualquer acusação contra as equipes

O Barcelona pode até perder e se consagrar campeão, entretanto, deverá torcer para que o Real Madrid não vença no mesmo horário o Deportivo La Coruña, na casa do adversário. Porém, para Luis Enrique sua equipe só será campeã se vencer sua partida.

"Tenho a sensação que só venceremos a Liga se derrotarmos o nosso adversário. Só temos uma rodada. Somos capazes de vencer sem se preocuparmos com o outro duelo", declarou na última coletiva.

"Será o último confronto de La Liga. Será uma partida complicada por toda a tensão de chegar na última rodada brigando pelo título. Devemos nos concentrar para dominar a posse de bola desde os primeiros instantes. Se adiantar no início pode ser bom, mas não será nossa única opção", afirmou.

"Somos a mesma equipe desde o início. Nosssos jogadores são vencedores e estão acostumados com títulos. Sofremos em alguns momentos da competição, mas esse é o momento decisivo, devemos estar totalmente focados", concluiu.

Sobre as investigações, o comandante catalão também demostrou estar incomodado: "Sempre coloco minha mão no fogo pelos profissionais que estão no meio do futebol", finalizou.