Apesar de perder o título, Zidane elogia Real Madrid pela campanha: "Estou orgulhoso"

Com 12 vitórias consecutivas na reta final, os merengues chegaram até a última rodada na disputa com o Barcelona

Apesar de perder o título, Zidane elogia Real Madrid pela campanha: "Estou orgulhoso"
Foto: Getty Images

O Real Madrid lutou até o fim, mas não conseguiu evitar o título do Barcelona. Neste sábado (14), os merengues venceram o Deportivo La Coruña, fora de casa. Porém, para sagrar-se campeão, os galáticos precisavam torcer para os catalães não vencerem o Granada, em partida de mesmo horário. Como o Barça venceu por 3 a 0, o título foi para longe da capital. 

+Focado na decisão da Champions, Real Madrid bate Deportivo com dois de Cristiano Ronaldo

O técnico Zinedine Zidane, que perdeu a primeira de suas duas decisões no final da temporada, não chegou à sala de imprensa cabisbaixo. Pelo contrário: estava orgulhoso de seus comandados. Ele, que chegou este ano no clube, anida tem a final da Uefa Champions League para ser disputada, ante o Atlético de Madrid.

"Estou orgulhoso e contente com o que fizemos. Podemos ter tido dificuldades, mas não baixamos as armas e lutamos até o fim", declarou o francês.

Zidane terminou seu primeiro Campeonato na vice-liderança (Foto: Getty Images)
Zidane terminou seu primeiro Campeonato na vice-liderança (Foto: Getty Images)

Após a partida, ele foi perguntado sobre o que queria dizer para seus atletas: "Só que precisamos descansar e que estou orgulhoso de todos os que trabalham nesta equipe. Quero dar ânimo a eles. Depois de 38 rodadas, não conseguimos impedir que o Barcelona fosse o campeão. Eles mereceram. Mas tiro o chapéu aos meus jogadores.", afirmou.

Por fim, Zidane falou sobre a esperada final da Champions League. Na Itália, o Real viaja para enfrentar o Atlético de Madrid, reeditando a final de 2013/14. Com isso, a esperança de encerrar sua primeira passagem pelo clube com título ainda está de pé. 

Sendo assim, o francês declarou: "Somos sortudos por ainda termos essa final pela frente. Precisamos descansar e nos prepararmos bem para ela. Estamos um pouco desapontados depois de todo o esforço que fizemos. Mas agora só pensamos na decisão em Milão", concluiu o treinador.