Especiais La Liga 2015/16 Deportivo La Coruña: campeonato irregular, mas permanência garantida

Depois de sofrer na temporada 2014/15. onde conseguiu se livrar do rebaixamento na última rodada, Deportivo não teve grandes problemas

Especiais La Liga 2015/16 Deportivo La Coruña: campeonato irregular, mas permanência garantida
Especiais La Liga 2015/16 Deportivo La Coruña: campeonato irregular, mas permanência garantida

O Deportivo La Coruña começou a temporada 2015/16 apenas com um objetivo claro, permanecer na primeira divisão espanhola, mas sem tanto sofrimento como na temporada anterior, onde conseguiu escapar na última rodada, com um empate heroico com o campeão Barcelona, fora de casa, em uma partida que chegou a estar perdendo por 2 a 0.

Para isso manteve o treinador Victor Sánchez e ainda trouxe alguns jogadores buscando perspectivas melhores. Chegaram a equipe o zagueiro Alejandro Arribas (Sevilla), o lateral-esquerdo Fernando Navarro (Sevilla), os meias Pedro Mosquera (Elche), Cani (Villarreal) e Luis Alberto (Liverpool), além dos atacantes Federico Cartabia (Valencia) e Lucas Pérez (PAOK).

Na primeira parte da liga espanhola, o Deportivo surpreende e ficando na zona de classificação para Europa League

Os primeiro turno do Deportivo no Campeonato Espanhol foi muito bom, em momento algum ficou perto da zona de rebaixamento, chegando a ficar em muitas rodadas na sexta colocação, dentro da zona de classificação para a Europa League. Com o experiente Fernando Navarro na defesa, Sidnei e Pedro Moquera no meio de campo e uma dupla de ataque formada por Luis Alberto e o artilheiro Lucas Pérez, a equipe incomodou muito. Nos primeiros dez jogos sofreu somente duas derrotas, para o Sporting Gijón em casa, no Estádio Riazor por 3 a 2 e para o Malaga, fora por 2 a 0. 

A partir da décima rodada a equipe da Galícia uma série de bons resultandos, ficando oito jogos sem derrota, destaque para os empates contra o Atlético de Madrid e o líder Barcelona, no Camp Nou por 2 a 2. Fechou a primeira parte da competição na nona posição com 27 pontos.

 (Foto: Pau Barrena/AFP/Getty Images)
Artilheiro Lucas Pérez comerando gol no empate surpreendente conta o Barcelona (Foto: Pau Barrena/AFP/Getty Images)

Em meio a Liga Espanhola, o La Coruña estreou na Copa do Rei. Enfrentou o Llagostera, equipe da segunda divisão, na quarta fase como todas as equipe da primeira divisão Se classificou após vitória fora de casa por 2 a 1 e empate em casa, 1 a 1. Nas oitavas de final, encarou o Mirandés também da segunda divisão. Empatou a primeira partida na casa do rival por 1 a 1 e de forma surpreendente foi derrotado em seu estádio por 3 a 0, acabando sendo eliminado.

Segundo turno foi ruim, muitos empates e derrotas, poucas vitórias, mas no final garantia na primeira divisão

Com a eliminação da Copa do Rei, o Depor voltou as atenções exclusivamente para o Campeonato Espanhol. Após a boa campanha, as coisas mudaram, nem tudo foi alegria e tranquilidade para o Deportivo, após a boa sequência de resultados veio a baixa. Nos dois últimos jogos do primeiro turno foi derrotada em casa para Villarreal e goleado pelo poderoso Real Madrid, no Estádio Santiago Bernabéu por 5 a 0. Os reveses de principio não preocuram a equipe, o segundo turno iria começar, era só manter o bom futebol e a constância nos resultados para poder a até sonhar com vaga na Europa League, sem sustos com a zona de rebaixamento. 

A equipe comandada por Victor Sánchez iniciou o segundo turno com cinco empates consecutivos, nos próximos cinco jogos foram quatro derrotas e um empate. Já eram 13 jogos sem vencer, despencando para 13° na tabela. A sorte era que tinha muitas outras equipes em baixa, fazendo também campanhas inconstantes. Granada, Sporting Gijón, Rayo Vallecano, Getafe e Levante estavam tão mal quanto o Depor e com um número considerado de pontos atrás na tabela.

 Jogadores do Deportivo comemoram vitória sobre Villarreal e garantia na primeira divisão(Foto: Jose Jordan/AFP/Getty Images)
Jogadores do Deportivo comemoram vitória sobre Villarreal e garantia na primeira divisão(Foto: Jose Jordan/AFP/Getty Images)

Uma vitória contra o Levante e um empate contra o Celta de Vigo fizeram o Deportivo respirar. Nas últimas rodadas veio uma sequência de empates e derrotas, entre elas uma derrota humilhante para o Barcelona em casa por 8 a 0. Por fim conseguiu na penultima rodada uma vitória sobre o Villarreal por 2 a 0, acabando definitivamente com risco de rebaixamento. Já garantido na primeria divisão, apenas entrou em campo na última rodada para cumprir tabela, na derrota por 2 a 0 para o Real Madrid, no Riazor. 

Terminou a segunda parte do Campeonato Espanhol com apenas duas vitórias e com 15 pontos. No total somou 8 vitórias, 18 empates e 12 derrotas. Foi também disparado a equipe que mais empatou no torneio, Malaga e Betis foram que chegaram mais perto com 12 empates. Destaque para o atacante Lucas Pérez autor de 17 gols, sendo o principal jogador do La Coruña na competição.