Simeone elogia raça do Atlético de Madrid, mas deixa futuro em aberto: "Irei pensar"

Comandante colchonero admitiu deixaram a desejar em Milão, porém mostra tristeza por dois vices em cima do Real Madrid em Champions League

Simeone elogia raça do Atlético de Madrid, mas deixa futuro em aberto: "Irei pensar"
Simeone deixa futuro no Atlético de Madrid incerto após duas derrotas para o rival Real Madrid em final de UCL. (Foto: Shaun Botterill/GettyImages)

Neste sábado (28), o Atlético de Madrid perdeu para o Real Madrid na final da Uefa Champions League, no estádio Giuseppe Meazza, em Milão. O jogo terminou 1 a 1 no tempo regulamentar gols de Sergio Ramos (14) e Yannick Ferreira Carrasco (79), e teve de ir para a disputa das penalidades máximas para o desfecho. 

Essa é a segunda derrota de Diego Simeone em finais da Champions, e para o mesmo adversário. Na sala imprensa, treinador Colchonero analisou a partida, admitindo um início abaixo do esperado.

"Nós começamos mal, que se estabeleceram, poderíamos desenhar, mas não demos em intenção, eles tinham uma situação de definir, e em seguida, empatamos foi muito tático. Estávamos cansados. Eu sou claro que a segunda ninguém se lembra, perder duas finais é um fracasso e deve aceitar o tempo de cicatrização para essa ferida", lamentou Simeone. 

Ao ser questionado se a derrota em Lisboa em 2014 tinha sido mais dolorada que a do San Siro, o argentino disse que sente mais pelos torcedores que fizeram o esforço de ir á Itália: "Eu não sei o que dói mais, ver as pessoas que pagaram a entrada, viajou aa não podia deixar de dar o que ele queria e isso é o que mais me dói." Lamentou

El Cholo que tem seu nome ligado há um possível retorno à Inter de Milão, foi perguntado se planeja deixar a equipe e ele admitiu que está "pensando" no caso: Estou começando a pensar [sobre o futuro no Atleti, nada mais do que isso." Deixando em aberto o seu futuro.

Os Rojiblancos terão sérias dúvidas, além de Simeone, outro nome circulado pela imprensa á ir embora é o francês Antoine Griezmann. Todavia um nome dado como quase certo para reforçar o ataque é Nicolas Gaitán, do Benfica.

Apesar de ter disputado ferozmente pelo título de Campeonato Espanhol na qual deixou escapar na penúltima rodada, e perdido o título de Campeão Europeu a temporada não é ruim para os vermelho e brancos.