Especiais La Liga 2015/16 Eibar: começo impressionante, mas segundo turno fraco

Equipe inicia muito bem a temporada e dessa maneira tem o objetivo de permanecer na primeira divisão facilmente assegurado

Especiais La Liga 2015/16 Eibar: começo impressionante, mas segundo turno fraco
Especiais La Liga 2015/16 Eibar: começo impressionante, mas segundo turno fraco

Uma equipe que teve tranquilidade do início ao fim, com uma campanha que se apoiou num bom ínicio de competição para assim não ter problemas para permanecer na elite, algo muito bom pra uma equipe que tem um rigoroso controle financeiro. Esse foi o Eibar na temporada 2015/16 do Campeonato Espanhol.

Uma só derrota nas primeiras oito rodadas e rapidamente uma equipe que seria candidata certa ao descenso se mostrou uma grata surpresa, ocupando naquela altura o sétimo lugar, vale lembrar que após as duas primeiras partidas estava em segundo lugar e mesmo caindo um pouco depois seguiu firme na primeira parte da tabela.

No nono confronto, houve a visita ao Camp Nou, onde a equipe acabou perdendo por 3 a 1 sofrendo um hat-trick de Luis Suaréz e assim começando a se descolar do bloco dos quatro primeiros. 

Depois vieram os triunfos sobre o Rayo Vallecano e o Getafe que fizeram a equipe subir ao sexto posto,  depois veio uma sequência mais complicada contra o Villarreal, Real Madrid, Real Sociedad e Valencia, com apenas dois pontos em 12 possíveis e caiu para o 10º lugar.

Na reta final do turno, alguns altos e baixos e um honroso sexto lugar, se aproveitando muito das arrancadas ruins de temporada, de Athletic e Sevilla, além do Valencia decepcionando e a equipe aquela altura, até pensando em talvez jogar uma competição europeia e com Borja Bastón inclusive brigando pela artilharia da competição.

Na abertura do returno, uma goleada contundente sobre o Granada por 5 a 1, porém derrotas contra AthleticMalága e Atlético de Madrid já faziam a equipe colocar os pés no chão e cair pro oitavo lugar. Na 25ª rodada, um duelo de seis pontos diante do Celta fora de casa e a derrota de 3 a 2 afastou a equipe do contato com os cinco primeiros. 

Nas rodadas seguintes, reveses para o Las Palmas, Sevilla e Barcelona e assim o time caindo pra oitavo e deixando de ser a surpresa do começo do torneio, nas dez rodadas finais apenas uma vitória e a queda para o 14º lugar, com a permanência já assegurada, a equipe não sofreu por conta dessa oscilação e não teve grandes problemas para atingir seu objetivo, não ficando também muito longe da primeira metade da tabela de classificação.