Sem Isco e Saúl Ñíguez, Vicente Del Bosque convoca Espanha para Euro

Ao todo, 23 atletas foram convocados e tentam tricampeonato consecutivo do principal torneio de seleções do planeta

Sem Isco e Saúl Ñíguez, Vicente Del Bosque convoca Espanha para Euro
(Foto: David Ramos/Getty Images)

Para a disputa da Euro 2016, a Seleção da Espanha está definida. Na tarde desta terça-feira (31), os 23 jogadores que irão defender o país no principal torneio de seleções do mundo foram anunciados pelo técnico Vicente Del Bosque. Os selecionáveis tentam conquistar o tetracampeonato europeu, o terceiro de forma consecutiva, um recorde nunca feito anteriormente.

25 jogadores tinham sido convocados em uma pré-lista. Como a Uefa determina que sejam 23 o número de jogadores a disputar o torneio, dois foram cortados da relação. O técnico decidiu tirar dois meio-campistas destacáveis na atual temporada: Isco, do Real Madrid, e Saúl Ñíguez, do Atlético de Madrid. Lesionado no abdômen, o lateral-direito Carvajal foi cortado por não se recuperar em tempo de disputar a competição.

Isco entrou no segundo tempo da decisão da Uefa Champions League, quando os merengues conquistaram o 11º título de sua história. Ñíguez foi uma das peças fundamentais para os colchoneros chegarem forte na reta final da temporada e brigarem por títulos no Campeonato Espanhol e na Champions, embora não tenham ficado com nenhum troféu.

Ao todo, foram convocados dois jogadores do Real Madrid (Sergio Ramos e Lucas Vázquez), dois do Atlético de Madrid (Juanfran e Koke) e cinco do Barcelona (Piqué, Jordi Alba, Bartra, Sergio Busquets e Iniesta). A lista contém atletas de clubes pertencentes a outras grandes ligas europeias, como Itália, Inglaterra, Portugal e Alemanha.

O técnico Vicente Del Bosque deu mais detalhes sobre como chegou à lista final dos jogadores. "Lamento a decisão de Carvajal. Fizemos o que consideramos ser melhor. Tratamos para equilibrar o plantel. Acredito que com os 23 jogadores convocados estamos cobertos. Não falei pessoalmente com os cortados. Os jogadores descartados têm nível para estar aqui, porém, só posso levar 23. Cada atleta está na lista por um motivo que nós valorizamos. A responsabilidade é nossa", explicou.

A Espanha está no grupo D e enfrenta na primeira fase as seleções da República Tcheca, Turquia e Croácia. A estreia será contra os tchecos no dia 13 de junho, no Estádio Municipal de Toulouse.

Confira abaixo a relação final de atletas convocados para defender a Espanha na Euro 2016.

Goleiros - Iker Casillas (Porto), David De Gea (Manchester United) e Sergio Rico (Sevilla);

Defensores - Sergio Ramos (Real Madrid), Gerard Piqué (Barcelona), Jordi Alba (Barcelona), Marc Bartra (Barcelona), Mikel San José (Athletic Bilbao), Juanfran (Atlético de Madrid), Héctor Bellerín (Arsenal) e César Azpilicueta (Chelsea);

Meias - Sergio Busquets (Barcelona), Andrés Iniesta (Barcelona), Bruno Soriano (Villarreal), Cesc Fàbregas (Chelsea), Koke (Atlético de Madrid), Thiago Alcântara (Bayern de Munique) e David Silva (Manchester City);

Atacantes - Nolito (Celta de Vigo), Pedro Rodríguez (Chelsea), Lucas Vázquez (Real Madrid), Aritz Aduriz (Athletic Bilbao) e Álvaro Morata (Juventus).

(Foto: Divulgação/RFEF)