Na estreia de Franco Vázquez e Sarabia, Sevilla vence Santa Fé pela Copa Euroamericana

Mesmo com algumas contratações já em campo, Konoplyanka foi o nome da partida com um gol e uma assistência

Na estreia de Franco Vázquez e Sarabia, Sevilla vence Santa Fé pela Copa Euroamericana
(Foto: Alex Menendez/ EFE)
Independiente Santa Fé
1 2
Sevilla

Começou a temporada 2016/17 para o Sevilla. Na noite desta terça-feira (19) os tricampeões da Uefa Europa League venceram os atuais vencedores da Copa Sul-Americana por 2 a 1 em Orlando, nos Estados Unidos. Entre as novidades sevillistas estiveram em campo Kranevitter, Franco Vázquez e Sarabia. Contudo, foram os velhos conhecidos Gameiro e Konolpyanka os destaques do confronto. O ucraniano foi ainda mais decisivo pois deixou sua marca e realizou uma linda jogada individual que foi concluído pelo artilheiro francês. Do outro lado, o zagueiro José Moya diminuiu a diferença.

Supreendendo desde o início, o Santa Fé não se intimidou ao encarar a equipe espanhola. Botello e Anchico por pouco não inauguraram o marcador nas primeiras chegadas do clube colombiano. Do outro lado, o destaque surgiu também nos primeiros minutos. Konoplyanka fez um "inferno" na defesa adversária ao se movimentar por ambos os lados do ataque.

Em sua primeira finalização à gol, o ucraniano abriu o placar em Orlando de fora da área. Dois minutos depois, novamente Konoplyanka arrancou em velocidade, limpou dois marcadores e deixou Kevin Gameiro em ótimas condiçõs para o francês somente empurrar pro fundo das redes. Antes do intervalo, a partida se tornou completamente oposta à palavra "amistoso". Pareja se desentendeu com dois atletas colombianos e acabou agredindo Gordillo, sendo expulso de campo. Nos acréscimos foi a vez do Santa Fé ficar com um a menos quando Arboleda recebeu o segundo cartão amarelo.

Algo quase que obrigatório nas partidas amistosas, ambas as equipes retornaram do intervalo com mudanças entre os titulares. No Santa Fé apenas uma, saiu Anchico e entrou Pelarza. Do lado espanhol foram três mudanças: saíram Kranevitter, Konoplyanka e Gameiro; entraram Llorente, Carrizo e N'Zonzi.

Muito mais calmo e pouco movimentado, o duelo caiu de produção técnicamente e pelo olhar disputado que havia ganho nos minutos finais da primeira etapa. Claramente satisfeito com o resultado, o Sevilla recuou e viu José Moya diminuir o placar aos 61' após rebote de Soria. No lance seguinte, por muito pouco o Santa Fé não igualou em cobrança de falta de Javier López. Após um indício de pressão colombiana, a partida retornou ao clima pós-intervalo e nada mais mudou.

O próximo adversário da pré-temporada preparatória do Sevilla será o Lyon, no próximo sábado (23) na França. Sem ser anunciado oficialmente, Paulo Henrique Ganso deve chegar nesta quarta-feira (20) na Espanha, se estiver recuperado já pode estar a disposição de Jorge Sampaoli para a partida.

Com o Campeonato Colombiano em andamento, o Santa Fé volta a entrar em campo no próximo domingo (24) quando recebe no El Campín o Envigado.