Barcelona goleia Sevilla com show de Arda Turan e conquista a Supercopa da Espanha

Clube catalão conquistou a Supercopa da Espanha em cima do Sevilla. Os gols da partida foram marcados por Arda Turan e Leo Messi

Barcelona goleia Sevilla com show de Arda Turan e conquista a Supercopa da Espanha
Foto: Catalan Edition
Barcelona
3 0
Sevilla

Nesta quarta-feira (17), em partida valendo a Supercopa da Espanha, o Barcelona venceu o Sevilla por 3 a 0 e garantiu mais uma taça em pleno Camp Nou. Dois gols de Arda Turan e um de Leo Messi.

A partida começou num ritmo forte, apesar de ser apenas o começo da temporada para as duas equipes. Aos 4’, Wissam Ben Yedder cabeceou na trave. O Barcelona buscou impor o seu ritmo de jogo na partida, dominando a bola e a fazendo girar. Na segunda oportunidade clara do jogo, o gol. Aos 10’, André Gomes passou para Messi que deixou Turan livre para marcar: 1 a 0 Barcelona.

Aos 16’, o lateral Aleix Vidal cruzou da direita para Leo que chutou cruzado à esquerda da meta de Rico. Aos 30’, o Sevilla começou a ensaiar uma reação e conseguiu um escanteio. Ainda aos 30’, o árbitro viu mão de Umtiti dentro da área. Pênalti para o Sevilla. Aos 32’, Iborra cobrou o pênalti no canto direito e Bravo defendeu. Aos 38’, Digne fez boa jogada pela ponta esquerda e cruzou para Denis Suárez que não conseguiu completar. E assim terminou o primeiro tempo: 1 a 0.

Assim como no primeiro, um ataque logo no começo do jogo. No primeiro minuto, Arda finalizou da intermediária e encobriu Rico. Golaço do turco: 2 a 0 Barcelona. Aos 7’, Leo achou mais uma assistência magistral para Arda, que perdeu tentando encobrir o goleiro. Aos 9’, Digne fez outra boa jogada pela ponta, achou Messi e cruzou. Gol do camisa 10: 3 a 0 Barcelona.

Aos 18’, o zagueiro Umtiti fez boa jogada, avançou e tocou para Munir. O atacante sofreu a falta. Leo cobrou na barreira. Com a equipe do Sevilla já dominada, o Barcelona se manteve tocando a bola. Aos 40’, após tabela com Messi, Arda cruzo e Jordi Alba cabeceou para fora. Aos 45’, Messi quase marcou mais um de seus golaços. O craque driblou e chutou, com efeito. A bola passou muito perto. E assim terminou a partida: 3 a 0 Barcelona. O Barcelona é campeão da Supercopa da Espanha.