Real Madrid ganha aval da prefeitura para reforma do Santiago Bernabéu

Florentino Pérez, presidente do clube, se reuniu com a prefeita de Madrid e anunciou a aprovação da reforma do estádio.

Real Madrid ganha aval da prefeitura para reforma do Santiago Bernabéu
Perspectiva do novo Santiago Bernabéu (Foto: Divulgação/Real Madrid)

O Real Madrid deu um importante passo para o sonho da remodelação do Santiago Bernabéu, a casa dos blancos. Nesta terça-feira (11), Florentino Pérez, presidente do Real, esteve reunido com Manuela Carmena, prefeita da cidade de Madrid, e foi anunciada a aprovação da reforma do estádio, que inclui a instalação de um teto retrátil.

O Santiago Bernabéu como conhecemos hoje foi inaugurado em dezembro de 1947 e passou por uma grande remodelação em janeiro de 1955. Em sua inauguração o estádio se chamava estádio Chamartín, mas após a reforma de 55 teve seu nome trocado em homenagem a Santiago Bernabéu Yeste, ex-jogador e ex-presidente do clube. Também passou por expansões em 1953, 1992, 1994 e 2011, assim tendo hoje a capacidade para 99.454 pessoas.

Desde a sua inauguração, o Bernabéu recebeu partidas da Eurocopa de 1964 (incluindo a final entre Espanha e União Soviética), da Copa do Mundo de 82 (também incluindo a final, esta entre Itália e Alemanha Ocidental) e as finais de 57, 69, 80 e 2010 da UEFA Champions League.

A nova reforma do estádio está orçada em 400 milhões de euros (aproximadamente R$ 1,4 bilhão) e deve ser custeada por um fundo de investimentos com sede em Abu Dhabi. “Hoje é um dia importante para o Madrid e seus sócios. Vai ser uma espetacular transformação do Bernabéu, que é um dos ícones da cidade”, festejou Florentino Pérez.

Em contrapartida, o Real Madrid vai ter de demolir uma área comercial que fica no entorno do estádio. O local vai ser transformado em uma praça pública. A previsão é que as intervenções durem um ano.