Em retorno de Guardiola ao Camp Nou, Barcelona encara Manchester City

A grande partida da terceira rodada da Uefa Champions League tem início marcado para as 16h45 dessa quarta-feira (19); Técnicos não tem grandes desfalques e ambas equipes terão força máxima

Em retorno de Guardiola ao Camp Nou, Barcelona encara Manchester City
Barcelona
Manchester City
Barcelona: Ter Stegen; Sergi Roberto, Mascherano, Piqué, Jordi Alba; Busquets, Rakitic, Iniesta; Messi, Suarez, Neymar. Luis Enrique.
Manchester City: Bravo; Stones, Otamendi, Kompany, Clichy; Gundogan, Fernandinho, David Silva, De Bruyne. Aguero, Sterling. Pep Guardiola.
ÁRBITRO: M. Mažić.
INCIDENCIAS: Partida válida pela terceira rodada do grupo C da Uefa Champions League, a ser disputada no Camp Nou, localizado em Barcelona.

Essa quarta-feira (19) será de reencontro no Camp Nou. Pep Guardiola reencontrá o ex-clube novamente, na sua antiga casa. Barcelona e Manchester City se enfrentam pela terceira rodada do grupo C da Uefa Champions League, às 16h45 (horário de Brasília), em partida que vale a liderança da chave. O time espanhol aparece com seis pontos, após vitórias sobre Celtic e Borussia Mönchengladbach, enquanto os Citizens tem quatro pontos, depois de vitória sobre o mesmo Borussia e empate contra o Celtic.

As equipes já se enfrentaram em cinco oportunidades, e o Barcelona leva ampla vantagem, tendo ganhado quatro das cinco partidas. O último encontro entre os time ocorreu no início de 2015, em confronto válido pelas oitavas de final, no dia 18 de março, quando os culés derrotaram os Citizens por 1 a 0, no Camp Nou, e garantiram a classificação para as quartas de final daquela edição, na qual se sagrariam campeões.

Na Liga Espanhola, os comandados de Luis Enrique derrotaram o Deportivo La Coruña por 4 a 0, aparecem com 16 pontos e ocupam a quarta colocação, atrás de Atlético de Madrid, Real Madrid e Sevilla. Já o time de Guardiola empatou com o Everton em 1 a 1, tem 19 pontos e é o líder da Premier League.

Barcelona entra em campo para deixar classificação próxima

O time de Luis Enrique tem seis pontos e procura a terceira vitória na competição, com o intuito de se aproximar da classificação para as oitavas de final da competição europeia. Caso vença a partida, o Barcelona vai a nove pontos e o City fica com apenas quatro.

+ Rakitic elogia Neymar: ''Será o novo Messi''

Para o embate, Luis Enrique só terá um desfalque, o goleiro holandês Jasper Cillessen, que está lesionado. O time titular todo está a disposição do espanhol e Lionel Messi, que retornou no último fim de semana, deve começar a partida como titular. Jordi Alba e Sergi Roberto, ausentes no jogo diante do La Coruña, retornam e estão a disposição.

+ Após longa novela, Neymar renova com o Barcelona até 2021

O técnico culé, em sua entrevista pré-jogo, afirmou que Guardiola é o melhor técnico do mundo: “Prefiro falar dos amigos do que dos inimigos, e Pep é um bom amigo. Gosto dos treinadores ofensivos, e ele é o melhor da atualidade. Com certeza será um dos melhores da história”.

Luis também falou sobre a maneira como a partida deverá ocorrer. “Há jogos contra adversários na qual a posse não é tão importante. Será contra o Manchester City, mas isso não significa que quem tem mais posse de bola vai ganhar”, disse Luis Enrique.

+ Piqué revela desejo de ser presidente do Barcelona quando se aposentar

O treinador ainda elogiou o Barcelona de Guardiola: “O Barcelona de Pep era espetacular, com números únicos, baseado em um estilo que buscava gerar superioridade e ter o controle da partida. Nós buscamos o mesmo. Nesse sentido a ideia é a mesma, e o objetivo é fazer com que nossos torcedores desfrutem”.

Para chegar à liderança do grupo, City enfrenta líder da chave

Os Citizens oscilaram diante do Celtic e cederam o empate ao time de Brendan Rodgers. Para não deixar o Barcelona abrir grande vantagem, precisa de vitória sobre os culés, no Camp Nou. Em caso de vitória inglesa, o time de Guardiola chega aos sete pontos e assume a liderança do grupo C.

Pep tem dois desfalques para o confronto: o lateral Sagna e o meia Fabian Delph. Porém contará com Kevin De Bruyne e Vincent Kompany, que retornaram no empate contra o Everton, no último sábado. O meia belga vem sendo um dos destaques do time inglês, enquanto o defensor é um dos líderes da equipe.

Guardiola falou sobre a grande partida desta quarta-feira (19): “O jogo de amanhã é para ver como estamos. É a melhor equipe do mundo e necessitamos ganhar pontos. Sei o que eu quero amanhã. Jogamos contra o Barcelona, evidentemente o melhor jogador é o Messi e estou feliz que ele possa voltar a jogar. Sempre gosto de vê-lo jogar e fico feliz que ele esteja bem e possa jogar amanhã”.

+ Guardiola se mantém fiel à sua filosofia no City: "Meus times jogam do jeito que eu quero"

Pep também falou sobre suas estratégias para chegar a vitória e a liderança do grupo. “Quero defender bem e atacar bem. Temos que ajustar muitas coisas. Os jogadores do Barcelona jogam há tempos juntos. Temos que ser nós mesmos e confirmar”, afirmou o espanhol.

O técnico ainda revelou que tentou levar Neymar para o Bayern de Munique em 2013: “Há alguns anos (2013), eu tentei fechar com Neymar, mas disse ao pai do Neymar que se houvesse a possibilidade do Barça, que ele não pensasse e ficasse no Barcelona”.