Com liderança garantida na UCL, Luis Enrique elogia Barça: ''Conseguimos isso em um dos grupos mais difíceis''

Após a vitória por 2 a 0 sobre o Celtic, Mascherano, Jordi Alba e o estreante Marlon comentaram a respeito do duelo em Glasgow

Com liderança garantida na UCL, Luis Enrique elogia Barça: ''Conseguimos isso em um dos grupos mais difíceis''
Foto: Miguel Ruiz/FCB

Sem maiores sustos, o Barcelona venceu o Celtic por 2 a 0, com dois gols de Lionel Messi, e garantiu a liderança do grupo C da Uefa Champions League com uma rodada de antecedência. Depois do confronto em Glasgow, na Escócia, o técnico Luis Enrique elogiou a equipe blaugrana. Além do comandante, Mascherano, Jordi Alba e o estreante Marlon também conversaram com a imprensa.

"Conseguimos ser os primeiros de um dos grupos mais difíceis. Há que parabenizar e time por isso", iniciou Lucho. ''Fomos decisivos com um Messi no mesmo nível de sempre. Estamos contentes pelo resultado", emendou. Sobre Neymar, que foi substituído aos 30 minutos da etapa final, ele disse, com relação à troca de farpas do brasileiro - já amarelado - com o lateral Lustig: ''A troca ocorreu porque é um dos jogadores que menos tiveram descanso nesta temporada, não por temer uma expulsão".

Foto: Miguel Ruiz/FCB

Também no segundo tempo, Luis Enrique tirou Piqué e Jordi Alba da partida. Ambos voltaram de período no Departamento Médico no empate com o Málaga, sábado. ''Resolvi dar descanso aos dois porque faz pouco tempo que se recuperaram de suas respectivas lesões'', explicou o técnico. O lateral-esquerdo, inclusive, deu sua palavra a respeito do triunfo: "Se apresentava uma partida igualada em um bom cenário. A vitória era importante".

O descanso de Piqué, de quebra, rendeu um momento inesquecível para o zagueiro Marlon, integrante do Barcelona B que estrou pela equipe principal na Escócia. "Estou feliz, espero ter esse sorriso de orelha a orelha todos os dias da minha vida. Não imaginava uma estreia assim", disse o brasileiro na zona mista do Celtic Park. Sobre a adaptação com os companheiros, o novo camisa 33 azul-grená contou: "Tenho problemas com o idioma e, no momento, me relaciono mais com os brasileiros. Mas todos estão me dando conselhos".

Foto: Miguel Ruiz/FCB

Por fim, Javier Mascherano foi outro a exaltar os pontos conquistados em Glasgow, ressaltando que o foco do Barcelona era inicialmente garantir a classificação às oitavas: "Viemos com o objetivo de conseguirmos a classificação e fizemos isso. Agora devemos nos concentrar na Liga".

Tranquilo na Champions, o Barça precisa reverter uma diferença de quatro pontos para o Real Madrid no Campeonato Espanhol. E a próxima parada é historicamente complicada. No domingo (26), os catalães vão até o País Basco, mais precisamente até a cidade de San Sebastian, para encarar a Real Sociedad no estádio Anoeta, palco onde não vencem há quase uma década. Pela UCL, o próximo compromisso é em 6 de dezembro, no Camp Nou, diante do praticamente eliminado Borussia Monchengladbach.