Cristiano retorna marcando dois e atual bicampeão Real Madrid passa fácil pelo APOEL

Português volta e é essencial na tranquila vitória merengue sobre o time cipriota; Sergio Ramos completou a vitória com gol de bicicleta

Cristiano retorna marcando dois e atual bicampeão Real Madrid passa fácil pelo APOEL
CR7 abriu o placar no Santiago Bernabéu
Real Madrid
3 0
APOEL
Real Madrid: Navas; Carvajal, Nacho, Ramos e Marcelo; Casemiro, Kovacic (Kroos, Min. 25), Modric e Isco (Ceballos, Min. 72); Bale (Mayoral, Min. 82) e Ronaldo. técnico: Zinedine Zidane
APOEL: Waterman; Vouros, Rueda, Carlão e Lago; Nuno Morais e Vinicius; Sallai (Farías, Min. 60), Ebecilio (Zahid, Min. 73) e Anoleftis; Igor de Camargo (Poté, Min. 83). técnico: Giorgos Donis
Placar: 1-0, Ronaldo, Min. 12; 2-0, Ronaldo, Min. 51; 3-0, Ramos, Min. 61
ÁRBITRO: Benoit Bastien (FRA); cartões amarelos: Carvajal (Min. 52), Sallai (Min. 53), Ebecilio (Min. 63)
INCIDENCIAS: partida válida pela primeira rodada da fase de grupos da uefa champions league 2017/18, realizada no estádio santiago bernabéu, em madri, espanha

O bicampeão estreia com o pé direito. Nesta quarta-feira (13), o Real Madrid recebeu os cipriotas do APOEL pela primeira rodada da fase de grupos da Uefa Champions League 2017/18 e venceu de maneira tranquila por 3 a 0, com dois de Cristiano Ronaldo, que retornou ao time, e um de bicicleta de Sergio Ramos.

Com este resultado, os blancos chegam aos três pontos e assumem a liderança do grupo ao lado do Tottenham, que venceu o Borussia Dortmund em Wembley, enquanto os cipriotas estão zerados. Na próxima rodada, ambos os times retornam à campo no dia 26, uma terça-feira. O Real Madrid, assim como fez na temporada passada, vai até a Alemanha encarar o Borussia Dortmund, às 15h45, enquanto o APOEL recebe o Tottenham no Chipre.

+ Marcelo renova contrato com Real Madrid, mas pega gancho por expulsão

Merengues dominam, criam pouco, mas marcam com CR7

Totalmente retraído, o APOEL não assustava em nada a defesa merengue, que, por outro lado, tinha um volume de jogo muito maior e pressionava bastante em busca do gol, só que, por conta de jogar só na defesa, a equipe do Chipre não cedia muitos espaços, o que complicava muito o jogo dos donos da casa.

Porém, em um raro "furo" na defesa visitante, os merengues conseguiram marcar, e com ele que retornou a equipe: Cristiano Ronaldo. Isco recebeu no meio, deu belo drible, avançou e passou para Bale, que levantou a cabeça e cruzou rasteiro para o português, que apareceu na segunda trave para completar no contra-pé de Waterman: 1 a 0 Real Madrid.

CR7 voltou e marcou
CR7 voltou e marcou                         

Mesmo com o gol, a partida se manteve da mesma forma, com o APOEL completamente fechado e jogando para tomar uma goleada, o que fazia de maneira correta e eficiente, já que os merengues tinham dificuldade de finalizar. Quase que Cristiano Ronaldo marcou mais uma vez em lance parecido ao gol, quando Bale cruzou de primeira e o português apareceu mais uma vez na segunda trave para completar, só que um pouco atrasado e a bola foi para fora. Os donos da casa até tentaram, mas nada de mais bola na rede.

CR7 marca mais um e Sergio Ramos fecha a conta de bicicleta

Os primeiros cinco minutos de segundo tempo no Bernabéu foram bastante animados, tanto que a primeira chance veio logo cedo, quando Carvajal deu um belíssimo cruzamento para Cristiano Ronaldo, que completou de primeira, a bola pegou no travessão e pingou fora do gol. Mesmo com muita reclamação, a tecnologia do relógio mostrou que a bola não havia entrado.

Porém, o português iria se redimir poucos minutos depois, quando Bale cruzou da direita, a bola desviou em Vinicius e depois no ombro de Roberto Lago, mas o francês Benoit Bastien assinalou pênalti para o Real Madrid. Cristiano Ronaldo foi para a cobrança e finalizou com a precisão e perfeição de sempre: 2 a 0 Real Madrid. Jogou muito tranquilo para os atuais bicampeões.

Com bem mais espaço para atacar, os merengues conseguiram chegar ao terceiro, quando Sergio Ramos roubou bola no meio de campo, a bola chegou em Marcelo, que cruzou, Bale cabeceou, a bola desviou em Roberto Lago e o próprio camisa 4 merengue acertou uma bicicleta, mesmo que meio torta, para fazer o terceiro: 3 a 0 Real Madrid. Bonito gol do capitão blanco.

Sergio Ramos fechou o caixão do APOEL
Sergio Ramos fechou o caixão do APOEL                         

A parte final do confronto no Bernabéu foi meio morna. O Real Madrid tentou ampliar e aumentar seu saldo por ter jogado em casa e com um "faminto" CR7, que tentava "compensar" com gols a sua suspensão, mas a partida ficou mesmo na vitória "simples" por 3 a 0 para os atuais bicampeões.