Com início avassalador, Real Sociedad estreia com goleada contra Rosenborg

Equipe do País Basco não dá chances ao rival e domina as ações; zagueiro Diego Llorente foi o grande destaque

Com início avassalador, Real Sociedad estreia com goleada contra Rosenborg
Coletivo ofensivo de Eusebio dá resultado (Foto: Ander Gillenea/Getty Images)
Real Sociedad
4 0
Rosenborg

Nesta quinta-feira (14), em duelo válido pelo Grupo L, da primeira rodada da Uefa Europa League, a Real Sociedad, recebeu no Estádio Anoeta, em San Sebastián, no País Basco, a equipe norueguesa do Rosenborg e não tomou conhecimento do adversário, anotando 4 a 0 no placar. Diego Llorente (duas vezes), Zurutuza e Skjelvik (contra), fizeram os gols espanhóis.

Com este resultado, los txuri-urdines somaram seus primeiros três pontos no torneio e ficaram na segunda posição do grupo, isto porque o Zenit aplicou 5 a 0 no Vardar e assumiu a liderança. Na próxima rodada, marcada para o dia 28 de setembro, a equipe da Espanha vai até São Petersburgo, encarar o Zenit. Já o Rosenborg, recebe, em Trondheim, o time da Macedônia.

Nos minutos iniciais de jogo, a Real Sociedad começou avassaladora e logo aos cinco minutos, Canales recebeu de Odriozola e bateu firme, obrigando o goleiro Hansen a fazer ótima defesa. Aos sete, Llorente subiu mais alto que a zaga e cabeceou a bola para outra defesa do arqueiro norueguês. Porém, aos nove, em cobrança de escanteio curto, Illarramendi finalizou no corpo de Hansen, que rebateu para frente e viu Diego Llorente não perdoar, 1 a 0.

Em seguida, mais precisamente um minuto depois, Zurutuza foi mais esperto que a zaga do Rosenborg e, bem posicionado, recebeu um perfeito cruzamento de Xabi Prieto e testou para o fundo do gol, fazendo 2 a 0 para a Real. Esta grande pressão do clube espanhol seguiu dando indícios de que o terceiro gol estava próximo. Todavia, foi só aos 41 minutos que, Xabi Prieto, em velocidade, cruzou rasteiro para Willian José, porém, no meio do caminho, Skjelvik tentou cortar e marcou contra a própria meta, 3 a 0.

No segundo tempo, com maior posse de bola, a Real Sociedad continuou a desperdiçar outras oportunidades de ampliar o marcador, em lances com Willian José e Juanmi. Pelo lado visitante, apenas o atacante nigeriano Adegbenro teve chances de diminuir o placar, quando aos 68 minutos, obrigou Rulli a fazer a defesa da partida, em remate no ângulo, de dentro da área.

Na reta final, Canales cobrou escanteio na cabeça de Llorente, que mesmo marcado, conseguiu cabecear para dentro do gol, anotando 4 a 0 e selando a vitória. Antes do árbitro dar números finais ao jogo, Adegbenro ainda deu um susto aos locais, chutando forte rente à trave de Rulli, somando apenas seis finalizações dos noruegueses.