Zidane se declara ao Real Madrid e rechaça treinar o Barcelona

Prestes a completar 100 jogos no comando merengue, francês mostrou respeito ao rival, mas garantiu que seu coração está no Real Madrid

Zidane se declara ao Real Madrid e rechaça treinar o Barcelona
Zidane se declara ao Real Madrid e rechaça treinar o Barcelona

Neste sábado (14), Zinédine Zidane completará 100 jogos como treinador do Real Madrid, diante do Getafe. Em entrevista coletiva visando a partida desse final de semana, o francês não quis falar muito da marca, mas disse que seu grande momento em todos esses jogos foi ganhar o Campeonato Espanhol na última temporada.

"O difícil é quando você perde, porque foi algo que você não fez. O mais lindo foi vencer a Liga. Foi a coisa mais linda que já tive. Tudo é muito bom, mas eu escolho esse momento. Porque é o dia a dia, é muito complicado, muito bonito e ganhar é a melhor sensação do mundo".

"Eles jogaram 100 jogos, essa é a diferença. Fiquei muito feliz quando cheguei e ainda estou quieto. É o que nos move, o desejo que colocamos em todos os jogos e treinamentos. Isso é o que ganhei, essa experiência de 100 jogos. Podemos dizer que já sou um treinador confirmado, embora tudo seja muito rápido", disse.

Além disso, Zizou também falou sobre alguma chance de treinar o Barcelona um dia, mas foi bem objetivo na resposta: "Eu tenho coração blanco. Quando era jogador, a mesma coisa. Depois do Real Madrid me perguntaram se queria jogar em outros times, mas eu disse que não. Veremos, mas acho que não", afirmou.

Zidane e o Real Madrid seguem sua busca por recuperação no Campeonato Espanhol neste sábado, quando os merengues visitam, às 11h15, o Getafe, em jogo muito importante para seguir a pegada na temporada.