O melhor do mundo: Cristiano Ronaldo chega à final mundial em busca de mais um recorde

Após ser eleito melhor do mundo pela quinta vez, português pode se tornar o maior artilheiro da história dos Mundiais de Clubes

O melhor do mundo: Cristiano Ronaldo chega à final mundial em busca de mais um recorde
Imagem: Rodrigo Rodrigues / editoria de arte da VAVEL Brasil

Cristiano Ronaldo chega para mais uma final de Mundial de Clubes da Fifa como estrela máxima do torneio. Esta temporada tem siido de êxito para o português, que no ano faturou mais um título de melhor jogador do mundo, eleito pela Fifa.

Na temporada 2016/17, o Gajo (como é chamado pelos portugueses) acumulou títulos. Campeão da Liga Espanhola e da Liga dos Campeões da Uefa pelo Real Madrid, dificilmente Cristiano Ronaldo não levaria o título de melhor do planeta. Nas duas conquistas foi o destaque dos espanhóis. Além dos títulos pelo clube, a Fera teve mais um ano de protagonismo na Seleção Portuguesa, e foi um dos pilares que sustentou a classificação do país para a Copa do Mundo da Rússia 2018.

Nesta final do Mundial de Clubes, além do título para o Real Madrid, Ronaldo busca alcançar mais uma marca: Ser o maior artilheiro da história do torneio intercontinental. Hoje, o Gajo tem seis gols em quatro edições que disputou (2008 pelo Mancherter United, 2014, 2016 e 2017, pelo Real Madrid. No formato atual, o CR7 é o maior artilheiro. No entanto, devido ao fato de a Fifa ter reconhecido todos os campões das Copa Intercontinentais (todas edições antes dos anos 2000, ano em que a entidade passou a organizar o evento).

Hoje o maior em Mundiais é Édson Arantes do Nascimento, o Pelé. O brasileiro marcou sete gols em duas edições que disputara (1962 e 1963 pelo Santos).

Sendo assim, Cristiano Ronaldo chega para final deste sábado em busca de mais uma taça para o armário dos Merengues e mais uma meta pessoal. Na tarde deste sábado, às 15 horas (horário de Brasília), Real Madrid e Grêmio enfrentam-se em busca do título de melhor clube do mundo. A batalha será no estádio Zayed Sports City, em Abu Dhabi.