Do 'namoro' até o acerto: a história da negociação de Philippe Coutinho com o Barcelona

Meia-atacante brasileiro de 25 anos vinha sendo sondado pela equipe catalã e se tornou a segunda maior contratação da história

Do 'namoro' até o acerto: a história da negociação de Philippe Coutinho com o Barcelona
Foto: Andrew Powell/Getty Images

A mais nova maior contratação da história do Barcelona chega no clube fortificando as expectativas dos torcedores. A equipe catalã desenvolveu um 'enlace' pelo jogador há duas temporadas atrás e, apesar de todo suspense, a novela teve seu fim recentemente. O jogador da seleção brasileira e atual ex-Liverpool, chamou a atenção do Barcelona por conta de suas aparições na Premier League, muitas vezes sendo o grande destaque da equipe inglesa. 

Detentor de uma perna direita letal, Philippe Coutinho chegou ao Liverpool por 8,5 milhões de libras. Cedido por empréstimo ao Espanyol na temporada 2011/12 e se destacando pelo primo mais modesto do Barcelona, o jogador voltou para a Internazionale e não foi bem em seu retorno a equipe de Milão. 

Na sua primeira temporada pelo Liverpool, em 32 partidas, Coutinho marcou seis gols e deu oito assistências. Desde então, demonstrava ser diferenciado e ter um talento descomunal, além de muita bola no corpo. Os laços com o Barcelona ganharam força após a venda de Neymar para o Paris Saint Germain e o jogador era cotado para ser o principal substituto do camisa 10 da seleção. Esta que foi a maior contratação da história, com o Barcelona utilizando o dinheiro da venda para trazer um grande nome para atuar nas pontas da equipe: Ousmane Dembélé.

Coutinho em campo contra o Leicester | Foto: Andrew Powell/Getty Images

Primeira tentativa de contratação sem sucesso: Coutinho de volta a Anfield

A primeira conversa do Barcelona com o jogador chegou muito próximo de um acordo, mas a diretoria do Liverpool fez jogo duro e manteve o meia-atacante em Merseyside. Coutinho ficou alguns jogos sem atuar pelo clube inglês no início da temporada, alegando dores nas costas. Aquilo inflamou a raiva e o descontentamento da torcida. Quando retornou aos gramados, o brasileiro começou de baixo, entrando no decorrer das partidas, agregando alguns minutos e condicionando ritmo de jogo. 

Klopp soube o sentimento do torcedor e tomou decisões de um verdadeiro técnico, fazendo com que o jogador busque pelo seu espaço, mostrando que pode assumir a titularidade. Não deu outra. Coutinho assumiu a titularidade absoluta e vinha destruindo na temporada, com ótimos números e sendo um dos grandes destaques do time, dividindo o protagonismo com Mohamed Salah. Pela Premier League, o jogador detém sete gols e seis assistências, em 14 partidas disputadas. Pela Uefa Champions League, são cinco gols e duas assistências, em 5 partidas disputas. 

Fim da novela: a concretização da tão sonhada contratação

Abre-se a janela de verão e a especulação novamente ganha força. Os atrativos indiciavam o que parecia óbvio — o jogador não viajou com o resto da equipe, e jornais já cravavam a contratação do meia. Desta vez, anunciada a contratação do jogador brasileiro: O Barcelona pagou cerca de €160 milhões por Philippe Coutinho e o jogador é o novo contratado dos culés.