Ibrahimovic despista sobre futuro no PSG: "Vamos ver o que vai acontecer"

Atacante ainda brincou com a possibilidade de bater o recorde de gols no Campeonato Francês, que pertence a Josip Skoblar quando ainda defendia o Marseille, na temporada 1970/71

Ibrahimovic despista sobre futuro no PSG: "Vamos ver o que vai acontecer"
Foto: Nolwenn Le Gouic/GettyImages

Zlatan Ibrahimovic, campeão francês pelo Paris Saint-Germain e eleito melhor jogador da Ligue 1 pelo Troféu UNFP (União Nacional de Jogadores Profissionais da França) por três vezes consecutivas, concedeu uma entrevista ao Goal. Nela, falou sobre o seu futuro, afirmando não saber onde irá jogar na próxima temporada.

"A situação é como ela é. Vamos ver o que vai acontecer. Falamos com todos. Estamos em conversações com o PSG , mas também com outros clubes interessados. Vamos ver o que vai acontecer, eu não posso falar sobre isso agora'', despistou o sueco.

LEIA MAIS: Ibrahimovic se declara ao Milan e exalta: “Maior clube que já joguei”

Ao ser questionado quando a imprensa saberá o seu destino, o atacante de 34 anos disse que não ter respostas: "Quando for oficial, eu também gostaria de saber. No momento eu não sei, é difícil responder essa pergunta. Quando você souber, todos saberão, eu sei que muitos esperam por essa resposta, mas eu ainda não tenho".

Com 29 títulos conquistado na carreira, Ibra ainda enfrentará o Olympique de Marseille, no dia 21 de maio, em jogo válido pela final da Copa da França. Se o PSG vencer será o 30º, algo que anima o camisa 10 parisiense.

"É sempre um mágico momento quando você ganha um título, torna-se histórico, algo escrito nos livros. Se eu algum dia esquecer o que significa levantar um troféu, então abandonarei o futebol. Quando comecei, queria ganhar o máximo de títulos possível para que se lembrassem de mim. Estou com 29 [títulos]  e ainda temos a Copa da França, por isso espero chegar aos 30'', afirmou.

O artilheiro do Paris já marcou 45 gols na temporada, 35 desses foram no Campeonato Francês. Faltando nove gols para alcançar o recorde de Josip Skoblar, do Olympique de Marselha, na temporada 1970/71. Ibra brincou dizendo que só precisa de uma partida para superá-lo.

"Eu só preciso de um jogo para quebrá-lo [brincou]. Não é nada impossível, mas isso não é o meu foco. Quando eu me sinto bem, jogo bem e os gols aparecem. Não fico desesperado quando entro em campo ao ponto de dizer 'eu preciso marcar quatro ou cinco gols'. Eles vêm sozinho'', concluiu, dizendo que sua maior meta não é alcançá-lo e, sim, levantar o caneco.