Deschamps analisa empate sem gols com Suíça e classificação da França como líder

O técnico da Seleção da França ressaltou a importância da primeira colocação no Grupo A da Eurocopa 2016

Deschamps analisa empate sem gols com Suíça e classificação da França como líder
Foto: Franck Fife/AFP/Getty Images

A França assegurou a primeira posição do Grupo A da Eurocopa 2016 ao empatar em 0 a 0 com a Suíça, em partida válida pela terceira rodada da fase inicial, realizada neste domingo (19), no Stade Pierre-Mauroy. Os franceses somam sete pontos, enquanto que os suíços ficaram com cinco pontos, na segunda posição.

Na próxima fase, a França enfrentará um dos melhores terceiros colocados classificados. O adversário poderá ser do Grupo C, D ou E. A Suíça espera o segundo colocado do Grupo C. A Albânia ainda sonha com uma classificação, mas os três pontos conseguidos e um saldo de menos dois podem complicar as expectativas dos albaneses.

Apos o empate sem gols, Didier Deschamps, técnico da França, concedeu entrevista coletiva e falou sobre as chances criadas: “Tivemos quatro boas chances, mas o Sommer foi o homem do jogo e isso significa que tivemos oportunidades. Este jogo era crucial para nós e estrategicamente era muito, muito importante terminarmos o grupo em primeiro.”

Deschamps fez algumas mudanças na equipe, principalmente no meio-campo e no ataque. O treinador explicou as manutenções na defesa: “Decidi não fazer alterações na estrutura defensiva da equipa porque é muito importante termos estabilidade nesse setor. Houve momentos em que as pessoas diziam que não éramos fortes defensivamente, mas já conseguimos estabilizar essa parte. No ataque, temos é de ser mais ousados, porque há muita expectativa em torno desta equipe.

O técnico analisou a atuação de Paul Pogba, que ficou no banco na partida passada, mas começou como titular neste domingo: “O Paul Pogba foi a força da equipe no primeiro tempo. Não se adiantou muito no campo durante o segundo tempo, mas ele tem um potencial enorme e tenho muita fé nele. Precisamos do Paul Pogba em seu melhor nível, como é óbvio.

Questionado sobre os aspectos positivos da primeira fase, Didier disse: “O resultado, a classificação e o fato de termos criado várias ocasiões e resolvido várias coisas com eficácia em termos defensivos. Há sempre tempo para melhorarmos. Sei que os jogadores estão cientes de que podem melhorar em diversas áreas, mas estou satisfeito com aquilo que eles têm feito até aqui.