Monaco goleia Sporting com dois de Falcao em amistoso de pré-temporada

Primeiro jogo oficial da pré-temporada dos portugueses termina com grande revés e ótima atuação do time francês

Monaco goleia Sporting com dois de Falcao em amistoso de pré-temporada
Foto: Divulgação/Monaco
Monaco
4 1
Sporting
Monaco: badiashile; tisserand, ragi, mendy, sidibé; bakayoko, fabinho (jemerson, min. 85), dirar (n'doram, min. 85), lemar (cavaleiro, min. 85); germain (bernardo silva, min. 75), falcao (carrillo, min. 75). técnico: leonardo jardim
Sporting: azbe jug; schelotto, semedo, coates, marvin (jefferson, min. 74); petrovic (iuri, min. 63); matheus pereira (teo gutierrez, min. 63), bryan ruiz (aquilani, min. 74), gelson (palhinha, min. 63), podence (bruno césar, min. 63); hernán barcos (slimani, min. 63). técnico: jorge jesus
Placar: 1-0, min. 12, germain. 1-1, min. 22, podence. 2-1, min. 23, falcao. 3-1, min. 65, falcao. 4-1, min. 82, carrillo.
ÁRBITRO: cartões amarelos: podence (min. 38) bryan ruiz (min. 59)
INCIDENCIAS: partida amistosa válida pelo festival de futebol dos alpes, realizada no juan antonio samaranch, suiça.

O Monaco venceu o Sporting por 2 a 1 na tarde desta quarta-feira (13), em amistoso de pré-temporada. Germain, Falcao Garcia duas vezes e Carrillo marcaram para os franceses, enquanto Podence diminuiu para o Sporting.

Monaco e Sporting não contaram, nesta partida, com os jogadores que participaram da Euro 2016. Pelo lado do time do principado, Subasic, Ricardo Carvalho, Glik  e João Moutinho ficaram de fora. Rui Patrício, William Carvalho, Adrien Silva e João Mário não viajaram com o esquadrão de Jorge Jesus.

O próximo compromisso de pré-temporada do Monaco será contra o Basel, em Montreux, na Suiça, no dia 16 de julho. Já o Sporting enfrenta o Stade Nyonnais, em Nyon, na Suiça, nesta quinta-feira (14).

Com um volante no 11 inicial, Sporting deixa espaços e Monaco aproveita

O Sporting subia a campo para o amistoso frente ao Monaco com apenas Petrovic na função defensiva no meio de campo. A escalação contrastava com o time quase habitual do Monaco, que contava com nomes frequentes da última temporada, como Fabinho, Ragi, Dirar, Bakayoko, além de Falcao García no comando de ataque.

O começo de partida dava amplo domínio ao Sporting. O time português mantinha a maior posse de bola mas, em um contra-ataque rápido pela esquerda aos 12 minutos, Mendy cruzou para Germain, sozinho no meio da área, finalizar de primeira e abrir o placar.

Após o 1 a 0, os franceses do principado se apossaram do domínio da posse de bola mas não transformaram essa superioridade em finalizações. Numa escapada rápida pelo meio, Matheus Pereira lançou Podence entre os zagueiros na altura dos 22 minutos. O baixinho avançou e bateu cruzado, empatando o jogo.

Sem muito tempo para lamentar o gol sofrido, o Monaco chegou à vantagem no placar um minuto depois. Após escanteio pela esquerda, Ragi desviou na primeira trave e Falcao Garcia desviou para a meta.

Com a vantagem no placar, os franceses passaram a dar mais espaço para o Sporting. Apesar disso, a maior posse de bola e presença ofensiva dos portugueses não ofereceram perigo para o goleiro Badiashile, que não teve muito trabalho.

Ritmo lento e mudanças no Sporting abrem espaço para goleada francesa

O segundo tempo começava com ritmo incrivelmente mais lento do que no primeiro. Com as mesmas formações, os times tinham dificuldades para criar ofensivamente. O Sporting ainda tentava chegar um pouco mais e aos sete minutos, o goleiro Badiashile recebeu passe de Ragi e furou quando tentava chutar, quase dando a chance de Podence marcar um gol fácil.

Com o jogo perdendo a intensidade, o técnico Jorge Jesus promoveu cinco mudanças de uma vez no Sporting aos 20 minutos. Trocou toda a linha de frente portuguesa, mantendo apenas Bryan Ruíz em campo. Dois minutos após as trocas, Falcão Garcia recebeu belo passe de Dirar entre os zagueiros e marcou seu segundo gol na partida.

Após as mudanças e a desvantagem no placar, o time português passou a atacar menos ainda e passou a permitir que o Monaco tivesse a confiança de atacar. Pela direita, aos 37 minutos, Lemar cruzou rasteiro e a zaga do Sporting apenas observou a bola passar, chegando até Carrillo, que finalizou forte, confirmando a goleada francesa na partida.