Deschamps frustra Espanha e convoca Laporte para a Seleção Francesa

Técnico francês vice-campeão da Eurocopa chamou 23 jogadores para as duas próximas rodadas das Eliminatórias para a Copa do Mundo

Deschamps frustra Espanha e convoca Laporte para a Seleção Francesa
Foto: Franck Fife/AFP/Getty Images

Didier Deschamps trouxe uma grande novidade para a lista de convocados da Seleção Francesa para os próximos dois jogos. Aymeric Laporte foi escolhido pelo técnico e defenderá a França nos jogos contra a Bulgária e Holanda, pelo Grupo A das Eliminatórias para a Copa do Mundo de 2018.

O zagueiro Laporte é natural de Agen, na França. Mas atua na Espanha desde 2011, ele foi especulado na seleção daquele país, mesmo tendo atuado pela França nas categorias de base. Com a primeira chamada para o elenco principal, o jogador do Athletic Bilbao encerra as esperanças da Fúria em ter o promissor atleta. Laporte tem uma multa rescisória de 65 milhões de euros.

A lista com os 23 convocados foi divulgada nesta quinta-feira (29) e também contou com os retornos dos atacantes Kevin Gameiro e Nabil Fekir, do zagueiro Mathieu e do goleiro Hugo Lloris. O capitão ficou de fora na última lista por conta de uma lesão. Lacazette, machucado não foi chamado, assim como Evra, Benzema e Valbuena. Olivier Giroud, que volta de lesão, está fora da lista.

Confira os convocados da França:

Goleiros: Areola (PSG), Lloris (Tottenham) e Mandanda (Crystal Palace).

Defensores: Digne (Barcelona), Koscielny (Arsenal), Kurzawa (PSG), Laporte (Athletic Bilbao), Mathieu (Barcelona), Sagna (Manchester City), Sidibe (Monaco) e Varane (Real Madrid).

Meias: Cabaye (Crystal Palace), Kante (Chelsea), Matuidi (PSG), Payet (West Ham), Pogba (Manchester United) e Sissoko (Tottenham).

Atacantes: Coman (Bayern Munich), Fekir (Lyon), Gameiro (Atletico Madrid), Gignac (Tigres), Griezmann (Atletico Madrid) e Martial (Manchester United).

Foto: Jean-Francois Monier/AFP/Getty Images

A partida contra a Bulgária acontecerá na próxima sexta-feira (7), no Stade de France. O duelo com a Holanda será na segunda-feira (10), na Amsterdam ArenA. A França empatou em 0 a 0 com Belarus pela primeira rodada do Grupo A. Os Bleus ocupam a quinta colocação com um ponto.

Em entrevista coletiva após a divulgação da lista, Didier Deschamps abordou o caso Laporte: “Eu escolho entre os jogadores disponíveis. Eu não o estou chamando para evitar que ele escolha outra seleção. Ele estava disponível e eu o convoquei. Isso é tudo. Ele é livre para recusar a minha convocação, embora eu duvide que ele vá.

Com Samuel Umtiti e Adil Rami machucados, era necessário trazer um novo zagueiro para compor o elenco. Mathieu, do Barcelona, é outro que ganha mais uma chance. A dupla titular deve ser Varane e Koscielny.

Sobre a não convocação de Giroud, que esteve lesionado nas últimas semanas e voltou recentemente contra o Chelsea, o técnico disse: “Não estou preocupado. Ele teve uma lesão contra o PSG e só entrou no segundo tempo contra o Chelsea. Desde aquele jogo contra Belarus ele atuou apenas 80 minutos em três jogos. Em comparação com as demandas da elite, o importante é ter os jogadores 100%.

Pressionado pela imprensa francesa, Deschamps falou mais uma vez sobre Karim Benzema. Ele foi curto em sua resposta: “Eu faço escolhas, independentemente do jogador. E eu faço para o bem da Seleção da França.