Em nono na tabela, presidente do Lyon diz que é 'inadmissível' atual momento da equipe

Jean-Michel Aulas, em entrevista na zona mista, falou sobre a terceira derrota seguida da equipe; Presidente lamentou distância para o G-3 da Ligue 1 e garante conversa com o técnico

Em nono na tabela, presidente do Lyon diz que é 'inadmissível' atual momento da equipe
Foto: Divulgação/Lyon

O Lyon foi derrotado de virada pelo Guingamp pelo placar de 3 a 1, em jogo realizado no Stade des Lumières, neste sábado (22), válido pela décima rodada da Ligue 1. O gol da equipe foi marcado por Lacazette, em cobrança de pênalti.

O resultado deixou o Lyon na nona colocação com 13 pontos. Os gones caíram de produção no decorrer do campeonato, vencendo um dos cinco últimos jogos. A única vitória foi contra o arquirrival Saint-Étienne no Derby du Rhône-Alpes, depois foram três derrotas seguidas, incluindo o jogo contra a Juventus pela fase de grupos da Uefa Champions League.

Após mais um revés, o presidente do clube, Jean-Michel Aulas lamentou o resultado: “A equipe até começou ganhando a partida na primeira etapa, mas depois do intervalo se mostrou apática e sofreu dois gols em menos de dez minutos. O time está sem confiança e foi um resultado ruim para as pretensões do clube nesta temporada”.

“Nossa expectativa era estar entre os primeiros colocados na tabela e já estamos um pouco distante dos concorrentes, seria fundamental se o Lyon tivesse ganhado este jogo dentro de casa. Foi uma derrota para esquecer. Vou continuar cobrando a postura da equipe. Vou conversar com o Génésio para ver o que está acontecendo com a equipe”, disse o presidente citando o treinador.

Valbuena deixou o gramado poucos minutos após entrar, o presidente revelou que o jogador passará por cirurgia: "Estou muito triste pelo Mathieu Valbuena. Ele deslocou o ombro. Vai ter que fazer uma cirurgia."

Questionado sobre uma possível demissão de Bruno Génésio após mais um resultado negativo, Aulas negou: “Ele é o nosso treinador e terei que conversar com ele na próxima semana, é inadmissível ver a equipe jogando desta forma e apresentando um futebol abaixo do esperado nesta temporada. Tinha uma perspectiva boa de ver o clube brigando pelo titulo, só que os resultados não são favoráveis e também vou precisar falar com os jogadores.”

A próxima do clube é contra o Toulouse no Stade Municipal no próximo sábado (29) pela 11ª rodada da Ligue 1.