Líder da Ligue 1, técnico do Nice mantém cautela: "Vamos ver onde estaremos no natal"

Com três pontos de vantagem para o rival Monaco e PSG, Lucien Favre comemora vitória magra diante do Saint-Étienne, mas mantém os pés no chão sobre a primeira posição

Líder da Ligue 1, técnico do Nice mantém cautela: "Vamos ver onde estaremos no natal"
Foto: Charly Triballeau/AFP/Getty Images

O Nice segue na ponta da tabela na Ligue 1. Sem Mario Balotelli, suspenso, o rubro-negro superou o Saint-Étienne fora de casa e manteve a primeira colocação de maneira isolada. O tento único da partida foi marcado por Valentin Eysseric. Com o resultado, os Aiglons estão com 32 pontos, enquanto que o rival Monaco e o PSG possuem 29 cada.

Lucien Favre, técnico do Nice, concedeu entrevista e analisou a partida e o resultado: “Dado o jogo como um todo, merecemos vencer. Nós lutamos. Perdemos a bola em áreas perigosas, o Saint-Étienne poderia ter marcado, ter nos custado muito caro. Tentamos jogar bem tanto no ataque quanto na defesa.

Poderíamos ter marcado o segundo gol, mas não esqueçam que quando estava 0 a 0, o Roux perdeu uma oportunidade clara de cabeça. Se eles tivessem marcado ali, teria sido muito difícil para nós permanecer paciente contra uma equipe bem organizada, onde é muito difícil de movimentar o ataque entre as linhas”, disse o treinador.

Questionado sobre a briga pelo título, Favre mantém os pés no chão e adota um discurso cauteloso, pois sabe que ainda é cedo para revelar desejos ambiciosos: “A nossa motivação é levar a cada jogo. Olhar a tabela é bom, claro, mas estamos apenas na 13ª semana. Vamos ver onde estaremos no natal. Até então, temos nove jogos em menos de 30 dias, e será importante gerir bem o elenco. Nós podemos progredir, é o básico, tanto individualmente quanto coletivamente.

A sequencia do Nice será complicada. Serão confrontos pela Ligue 1, destaque para o embate contra o PSG na capital, jogos pela Europa League, onde o time ainda tenta a classificação, e um jogo pela Copa da Liga Francesa diante do Bordeaux. Serão duelos tanto no meio quanto no fim de semana. O Nice tem três pontos apenas.

O rubro-negro do sul da França está na última posição do Grupo I da Uefa Europa League. O próximo jogo será contra o Schalke na Alemanha. Lucien disse que o time está tranquilo: “Não há nenhuma razão para não manter a serenidade neste momento, tudo porque perdemos duas vezes. Como eu disse, nós ganhamos alguns jogos que talvez pudessemos perder. Este continua sendo um esporte, com sua parcela de incerteza.