Griezmann revela não ter desejo imediato de disputar a Ligue 1

Capa da revista GQ, o atacante do Atlético de Madrid disse que talvez não teria a mesma carreira caso tivesse iniciado na Ligue 1

Griezmann revela não ter desejo imediato de disputar a Ligue 1
Foto: Daniel Nieto/VAVEL

Antoine Griezmann é um dos jogadores mais cobiçados do mundo. O atacante do Atlético de Madrid já marcou nove gols nesta temporada e segue na mira de outros grandes clubes da Europa. Titular da Seleção Francesa, ele nunca teve a oportunidade de jogar profissionalmente em seu país. Em entrevista à GQ Magazine, revelou que não tem o desejo imediato de atuar na Ligue 1.

Hoje, a Ligue 1 não é meu objetivo. Talvez mais tarde. Amo a Espanha, estive aqui por 14 anos. Não tenho nada contra a França por não terem me aceitado em nenhuma peneira. Se tivessem me admitido no Lyon, no Sochaux ou no Saint-Etienne, talvez não teria a mesma carreira”, disse o atacante em entrevista à revista francesa.

Griezmann está concorrendo tanto no Prêmio anual da Fifa quanto na Bola de Ouro da France Football. O francês mantém os pés no chão quando comparado com os dois principais jogadores do mundo, Messi e Cristiano Ronaldo: “Não sei se já alcancei este nível. É verdade que tudo o que faço tem uma repercussão duas vezes maior em relação a um jogador que não joga tanto, mas devo ter cuidado com o que digo. Não devo perder minha naturalidade, mas para chegar ao topo ainda preciso ganhar títulos. Sei que posso fazer isso com o Atlético, porque vi isso na temporada passada. Perdemos a final da Liga dos Campeões nos pênaltis. Não é tão fácil para nós como é para o Barça, Real Madrid ou Bayern, mas vamos tentar de novo.

Natural de Mâcon, na França, Griezmann nunca teve a chance de jogar profissionalmente em seu país. Como citado por ele mesmo, passou por várias peneiras e clubes diferentes e não foi aprovado em nenhuma.

Seu corpo franzino e a baixa estatura serviram como desculpa para as reprovações. Até que aos 14 anos ele participou de um torneio promovido pelo PSG, onde atuou pelo Montpellier.

O Montpellier lhe deu a oportunidade de disputar algumas partidas da competição. Foi lá que um olheiro da Real Sociedad viu potencial no jogador e o convidou. Griezmann passou dois meses o clube basco antes de assinar seu primeiro contrato com o Sub-17.