Apesar de goleada, Unai Emery destaca atuação imperfeita e dois gols sofridos em casa pelo PSG

Técnico analisou vitória diante do Bordeaux e elogiou Draxler, que deu uma dinâmica maior no setor ofensivo

Apesar de goleada, Unai Emery destaca atuação imperfeita e dois gols sofridos em casa pelo PSG
De pênalti, Malcom deixou sua marca contra o PSG, apesar de goleada sofrida (Foto: Getty Images)

Neste sábado (30), o Paris Saint-German passou como um trator por cima do Bordeaux e, em casa, goleou por inquestionáveis 6 a 2. Os gols dos donos da casa foram marcados por Neymar, duas vezes, Meunier, Cavani, Draxler e Mbappé. Sankharé e o brasileiro Malcom, de pênalti, descontaram para os visitantes.

O técnico do time parisiense, Unai Emery, destacou a qualidade e a força do seu ataque, não gostou de ter a defesa vazada por duas oportunidades. "É difícil dizer que foi um jogo perfeito", disse. "Claro, estou feliz com o resultado, feliz com a partida e a performance geral dos jogadores, mas nós concedemos dois gols jogando em casa. Isso foi o que eu menos gostei".

Emery prosseguiu, revelando o que achou ter sido o motivo do placar elástico: "Na primeira etapa, respeitamos o oponente, um time que tem qualidade ofensiva. Nós não sabíamos como eles iriam jogar contra nós, com uma defesa baixa ou alta", explicou.

"Eles começaram a jogar com a linha baixa, mas eles tem ótimos jogadores no ataque que vão muito para a frente, e isso nos deu alguns espaços. Isso foi uma coisa boa para nós, porque nossa qualidade individual conseguiu aparecer dentro destes espaços", completou o técnico espanhol. 

Destaque com um gol e uma assistência, o meia alemão Julian Draxler foi outro jogador a ser elogiado por Unai: "Precisamos dominar o posicionamento de forma equilibrada, com bola, sem bola. Hoje, com o Draxler, trabalhamos para estar perto dos atacantes, em uma linha de três que trabalha em conjunto e colada nos homens de frente. Ele fez um ótimo trabalho, estava muito concentrado, fez muito bem. Lo Celso foi bem, Nkunku também, e isso nos permite procurar mais opções táticas", afirmou.

O PSG volta a campo pelo Campeonato Francês após a data Fifa para enfrentar o Dijon, no dia 14 de outubro. A equipe da capital tem 22 pontos, com sete vitórias e um empate.

França