Em confronto remarcado, Amiens vence Lille e afunda rival

Derrota coloca time de Marcelo Bielsa na vice lanterna da competição

Em confronto remarcado, Amiens vence Lille e afunda rival
Foto: Divulgação/Amiens SC
Amiens
3 0
Lille

O Amiens venceu o Lille, nesta segunda-feira (20), pelo placar de 3 a 0, em partida remarcada da oitava rodada da Ligue 1, por conta da queda de uma grade após a comemoração do gol da equipe visitante, marcado por Fodé Ballo-Touré aos 16 minutos da etapa inicial, no dia 1º do mês de outubro.

Opeso em cima da grade do Stade de la Licorne foi tamanho que ela cedeu e vários torcedores foram ao solo, com outras dezenas de adeptos caindo por cima e cerca de 20 deles ficaram feridos, alguns em estado grave. A Federação Francesa decidiu que a partida, remarcada para essa segunda feira (20) fosse jogada desde seu início. 

Os Dogues entraram com força máxima, com três jogadores brasileiros do elenco.Com pouca inspiração, os visitantes acabaram sendo dominados pelo Amiens, embalados por um empate diante do Monaco e que contaram com uma excelente exibição do jovem atacante francês Harison Manzala, que marcou duas vezes para os Licornes, inicialmente aos 36 do primeiro tempo e depois aos três minutos do segundo tempo. Aos 40 minutos, o zagueiro Bakaye Dibassy ainda encontrou tempo para aumentar a vantagem, fechar o placar e colocar o time de Marcelo Bielsa, que havia vencido o Saint Étienne pela 13ª rodada na última sexta feira (17) em situação delicada.

Com o resultado, o Lille caiu para a 19ª colocação, com 12 pontos conquistados, oito a mais que o laterna Metz, um a menos que o Strasbourg (time que jogaria o playoff contra o terceiro colocado da Ligue 2) e a dois do Nice, primeiro time fora da zona de rebaixamento. No próximo sábado (25), os Dogues visitarão o Montpellier, enquanto os Licornes, que com a vitória pularam para a 12ª colocação com 15 pontos, jogarão fora de casa, também no próximo sábado, quando enfrentarão o desesperado lanterna Metz, que tem apenas uma vitória na atual edição da Ligue 1.