Saint-Étienne empata com Nantes, mantém sequência ruim e fica mais distante do G-4

Sem vencer há sete jogos no campeonato, verts estão na 13ª colocação; Nantes volta a pontuar fora de casa após três derrotas seguidas

Saint-Étienne empata com Nantes, mantém sequência ruim e fica mais distante do G-4
Foto: Divulgação/Saint-Étienne

O torcedor do Saint-Étienne que esteve presente no Stade Geoffroy-Guichard, neste domingo (3), acompanhou mais uma atuação decepcionante da equipe. Em partida válida pela 16ª rodada da Ligue 1, os verts empataram em 1 a 1 com o Nantes, aumentando a sequência sem vitórias. Pelo desempenho na etapa final, o ponto ainda ficou de bom tamanho para os mandantes.

Com este resultado, o maior campeão da primeira divisão francesa acumula sete jogos sem vitória no campeonato, além de uma eliminação na Copa da Liga. Neste período, inclui-se uma goleada por 5 a 0 para o Lyon no maior clássico do país. Após iniciar a temporada brigando pelo G-4, o ASSE hoje encontra-se na 13ª colocação com apenas 20 pontos. No próximo domingo (10), a equipe encara o Olympique de Marseille, no Vélodrome, outro embate dificílimo.

Ranieri e seus comandados viveram momentos de altos e baixos nos últimos meses. Depois de vários resultados positivos, a equipe três derrotas em quatro jogos, mas conseguiu a recuperação diante do Monaco. O empate deste domingo deixa os canários na quinta posição com 27 pontos, distanciando-se da briga pela vaga na Uefa Europa League. Tal distância pode ficar em cinco pontos ao fim da rodada. O próximo adversário será o Nice, em casa, também no dia 10.

O Saint-Étienne abriu o placar aos 37 minutos. Bamba achou Pajot na intermediária. O camisa 5 soltou a bomba de fora da área e acertou o ângulo de Tatarusanu.

Precisando reverter a situação, o Nantes foi para cima na etapa final. Pressionou, arriscou e teve mais posse que o Sainté. O empate veio aos 60 minutos. Abdoulaye Touré levantou na área, Santy Ngom escorou para o meio. Leo Lacroix tentou cortar, mas chutou em cima de Emiliano Sala e a bola entrou no cantinho.

Três brasileiros participaram da partida. Diego Carlos foi titular pelo Nantes. No intervalo, o zagueiro deu lugar ao compatriota Lima. Andrei Girotto foi outro que entrou no segundo tempo pelos canários. Do outro lado, o meia Hernani, ex-Atletico-PR, ficou no banco.