Em 2017, Neymar e Paris Saint-Germain modificaram transferências no futebol

O desembolso de 222 milhões de euros por parte dos franceses quebrou os paradigmas do mercado da bola, além de exterminar o lema de jogador impagável

Em 2017, Neymar e Paris Saint-Germain modificaram transferências no futebol
Foto: Divulgação/Paris Saint-Germain

Qualquer transferência, quando é a mais cara do momento, chama a atenção e causa um certo alvoroço no mundo do futebol. Há um tempo, somente nomes consagrados faziam parte da lista de maiores negociações, tais como Figo, Ronaldo, Zidane, Buffon, entre outros. Mas, com a evolução do esporte, os clubes passaram a arrecadar cada vez mais verbas e a competição por jogadores de destaque se tornou mais acirrada.

O modo de ver o jogo também mudou e os jovens talentos passaram a ser os alvos, atletas com grande potencial, capazes de evoluir bastante, transformando o alto valor aplicado em um investimento com alto retorno. Romelu Lukaku, Gareth Bale, Kevin De Bruyne, são exemplos de jovens que chegaram à clubes gigantes por causa de suas qualidades e nem tanto pelo histórico na carreira.

Zidane é apresentado no Real Madrid em 2001 como o jogador mais caro da história à época (€73.5) | Foto: AFP/Getty Images
Zidane é apresentado no Real Madrid em 2001 como o jogador mais caro da história à época (€73.5 milhões) | Foto: AFP/Getty Images

Não à toa a ida de Neymar para o Paris Saint-Germain tenha causado tanta repercussão, tanto boas quanto ruins. Quando na quinta-feira (03/08) o clube francês anunciou através de suas redes sociais a chegada do brasileiro, uma nova forma de ver as transferências foi estabelecida.

O PSG não ofereceu uma grande quantia de dinheiro para um time pequeno, que conta com as vendas de jogadores para manter a conta no azul, era o Barcelona, estabelecido financeiramente e sem nenhuma necessidade de vender seus atletas. Não foi apenas um investimento no escuro, com a possibilidade do jogador não render o esperado, Neymar já é um dos maiores jogadores do mundo, mesmo sendo ainda jovem.

Não era um time usando de um único jogador para tentar transformar o elenco em uma potência, o PSG já mostrava ao longo dos anos que é um dos grande do futebol, com grandes nomes, capaz de vencer qualquer time e conquistar qualquer campeonato. Os 222 milhões de euros mais que dobraram a até então negociação mais cara, que foi a ida de Paul Pogba da Juventus para o Manchester United por 105 milhões.

2016, Paul Pogba chega ao Manchester United por €105 milhões | Foto: Manchester United/John Peters/Getty Images
2016, Paul Pogba chega ao Manchester United por €105 milhões | Foto: Manchester United/John Peters/Getty Images

Neymar saiu do Barça quando muitos imaginavam que ali ele encerraria sua carreira. Elevou a qualidade do Paris quando não parecia ser mais possível, levando em conta as peças que tinham. Fez craques como Kaká (€65 MI), Ibrahimovic (€69 MI) e até mesmo Cristiano Ronaldo (€94 MI) parecerem comuns.

O ano de 2017 para o futebol teve acontecimentos marcantes como a vitória do Barcelona sobre o PSG por 6 a 1 pela Champions, com destaque do próprio Neymar, classificações emocionantes para a Copa do Mundo de 2018, mas, sem dúvida alguma o fato mais impactante, por todos os fatores supracitados, foi essa transferência. Será um ano eternamente lembrado como "o ano que o Neymar foi pro PSG".