Carlitos Tévez: o craque que retornou da Europa para levar o Boca Juniors ao topo da América

Impulsionado por um recorde individual, o atacante poderá levar o Boca ainda mais longe na Libertadores

Carlitos Tévez: o craque que retornou da Europa para levar o Boca Juniors ao topo da América
O craque: Carlitos Tévez

Em seu retorno ao Boca Juniors, o atacante Carlinhoa Tevez foi recebido como rei. Diante de 45 mil torcedores e uma recepção calorosa, Apache foi claro ao dizer que iria agradecer dentro e fora de campo. Não demorou muito para que o agradecimento viesse em forma de título. Após seu retorno em 2015, foram dois títulos nacionais conquistados em 17 partidas disputas. Nessas partidas, foram 9 gols marcados e 4 assistências para seus companheiros de time.

Ao chegar, suas promessas eram ganhar de seu rival e levar o Boca de volta ao topo. Nas poucas partidas jogadas em 2015, as duas promessas foram cumpridas. Quem ousaria duvidar da palavra de Tevez? Levando o Boca de volta a Libertadores, o atacante foi se tornando cada vez mais participativo dentro e fora de campo. Em 2016 já são 22 partidas, tendo marcado 9 gols e dado 4 assistências. Firmando dupla com Lodeiro, é responsável pela metade dos gols do time nesse semestre.

Jogando onde gosta e com quem gosta, o jogador se mostra cada vez mais satisfeito pela escolha de ter voltado a Buenos Aires e a La Boca. Com oferta de outros clubes europeus, o jogador tinha a escolha de se firmar ainda mais pelo nível de futebol jogado, mas decidiu voltar a casa e voltou. Após seu retorno, num nível de futebol ainda mais apurado do que quando deixou La Boca, Tevez tem se tornado um jogador cada vez mais letal para o Boca, o que o torna um perigo para seus adversários.

A sede de bola que nunca se foi, agora é cada vez mais eminente. Nessa Libertadores já foram 5 gols marcados e 2 assistências dadas. Antes do final da competição, o jogador está prestes a bater sua própria marca já que em 2003, edição em que mais fez gol na Libertadores, havia marcado 5 gols. No total, o jogador tem 14 gols em 35 partidas disputadas na competição continental.

Do lado de Lodeiro, Tevez pode e deverá ser ainda mais fatal para seus adversários. Jogando do lado do uruguaio, Apache se tornou o 30° a dar mais assistências no Boca. Em todas suas partidas pelo clube soma um total de 57 gols feitos.  Com a chegada de Benedetto no time xeneize, Tevez deverá ser ainda mais participativo em todo o time do Boca já que contará com uma presença a mais no ataque.

Com a presença do novo jogador, Apache poderá criar ainda mais chances para o Boca ao fortalecer a ligação entre o meio de campo e o ataque. Além disso, dependendo do esquema utilizado pelo técnico, poderá ainda fortalecer o time quanto as finalizações. Incentivo é o que não falta quando Apache tem o carinho e o apoio de sua torcida e um recorde individual a bater.