Após vitória, Messi relembra decisão de deixar Argentina: "Estava muito desiludido"

Depois de período difícil após a derrota na final da Copa América e o anúncio de que sairia da Argentina, craque retornou à Seleção Argentina e muito contente com o triunfo sobre o Uruguai

Após vitória, Messi relembra decisão de deixar Argentina: "Estava muito desiludido"
Messi marcou o único gol da partida contra o Uruguai (Foto: Divulgação/AFA)

A Seleção Argentina passou por um período difícil depois de fase ruim na Copa América Centenário. Lionel Messi, o principal jogador da equipe e atual vencedor da Bola de Ouro, não estava tendo um bom aproveitamento durante a competição e, por isso, anunciou que deixaria a camisa azul e branca. 

Porém, Messi entrou em campo na noite desta quinta-feira (1º) com uma Seleção Argentina renovada, que venceu o Uruguai por 1 a 0. O gol da partida saiu dos pés do camisa 10. Após o duelo, válido pela sétima rodada das Eliminatórias à Copa do Mundo de 2018, o craque do Barcelona passou pela zona mista do estádio La Portada, em Mendoza, afirmou que tomou a decisão de deixar a Albiceleste de cabeça quente.

"Eu estava muito desiludido. Foi um golpe muito grande, e eu me senti assim. Começar outra vez do zero era muito difícil para mim. Pensei que seria uma decisão para sempre. Mas, depois, repensei, porque pensei nesse grupo, na conversa com o Patón [Edgardo Bauza, técnico da Argentina] e no carinho do público", disse.

O treinador recém-chegado Edgardo Bauza fez alterações em boa parte do elenco e os treinamentos começaram não muito tempo antes da reestreia nas Eliminatórias.

A Argentina venceu a partida contra o Uruguai por 1 a 0, na casa dos rivais. O time tem todo um histórico de jogos complicados contra os vizinhos, e entraram em campo sabendo que seria uma partida difícil. E isso ficou comprovado em campo e, principalmente, após a expulsão do atacante Paulo Dybala, por um árbitro que já tem um histórico ruim com jogos da Argentina.

"Estivemos diante de uma partida duríssima e tivemos uma expulsão injusta. Não foi a primeira vez que este árbitro nos deixa com 10", reclamou Messi.

No entanto, o argentino se mostrou muito satisfeito com o resultado. "[Estou] feliz com o resultado que tivemos, foi muito importante por como se deu a partida. Não é fácil jogar 45 minutos com um a menos. Feliz por tudo, por voltar a jogar com a Seleção. Pensei no que havia dito naquele momento e em como é lindo estar ali", celebrou.

Para Messi, o mais surpreendente e encantador foi o carinho da torcida. 

"Nunca imaginei que o público responderia da maneira que respondeu quando eu disse aquilo. Recebi mensagem de todos os tipos com apoio e carinho. Desde que chegamos a Mendoza a torcida foi bárbara. Desde que pisei na Argentina, tudo foi muito especial. Vinha de uma desilusão muito grande, mas as coisas mudaram e estou feliz de voltar a estar aqui", encerrou.