Sem Higuaín, Sampaoli chama 21 jogadores para próximas partidas da Seleção Argentina

Convocação para os últimos dois jogos das Eliminatórias mais uma vez não conta com o atacante da Juventus

Sem Higuaín, Sampaoli chama 21 jogadores para próximas partidas da Seleção Argentina
(Foto: Alejandro Pagni/AFP)

Em complicada situação para se classificar para a próxima Copa do Mundo, a Seleção Argentina, treinada por Jorge Sampaoli, anunciou, nessa sexta-feira (15), uma parte da sua convocação para os próximos dois jogos das Eliminatórias Sul-Americanas, contra Peru, em Buenos Aires e Equador, em Quito. Nessa chamada, foram selecionados apenas 21 jogadores, sendo todos de fora do futebol argentino – os outros dois nomes que completarão a lista serão anunciados em breve.

Na quinta colocação, com 24 pontos, os Hermanos jogarão a vida nesses dois confrontos, já que ambos são ‘partidas de seis pontos’: o Peru tem a mesma quantidade de pontos, mas está uma posição acima por ter um ataque melhor; o Equador, por sua vez, tem uma situação mais complicada, mas pode chegar na última rodada, dependendo da combinação de resultados, com chances de ir à Copa do Mundo.

As principais novidades ficam por conta das primeiras convocações do zagueiro Germán Pezzella e do meia Emiliano Rigoni. O defensor de 26 anos foi um dos destaques do Real Betis na última temporada e se transferiu para a Fiorentina no começo da última janela de transferências. Já o atacante, que se destacou nos últimos meses no Independiente, foi jogar no Zenit, da Rússia. Jogador de lado de campo, o atleta de 24 anos se destaca pela sua facilidade de driblar e chutar de média distância.

Destaque da Atalanta, Papu Gómez voltou a ser convocado (Foto: NurPhoto/NurPhoto)
Destaque da Atalanta, Papu Gómez voltou a ser convocado (Foto: NurPhoto/NurPhoto)

Também atuando no futebol italiano, o baixinho Alejandro ‘Papu’ Gómez voltou a ser lembrado por Sampaoli. Destaque da Atalanta, o atacante já marcou um gol e distribuiu duas assistências nessa temporada.  Defendendo a camisa da Seleção Argentina, o jogador tem um gol em uma partida, em um amistoso contra Singapura.

A principal ausência se dá por Gonzalo Higuaín. Artilheiro da Juventus, o atacante não impressiona Jorge Sampaoli, que não o convoca desde o amistoso contra a Seleção Brasileira, em junho. Muito criticado por isso, inclusive pelo ídolo Diego Armando Maradona, o treinador não se deixou levar e deixou o atleta de 29 anos fora mais uma vez.

Confira a convocação:

Goleiros: Sergio Romero (Manchester United), Nahuel Guzman (Tigres) e Agustín Marchesín (León)

Zagueiros: Federico Fazio (Roma), Germán Pezella (Fiorentina), Gabriel Mercado (Sevilla), Javier Mascherano (Barcelona), Nicolas Otamendi (Manchester City) e Emanuel Mammana (Zenit)

Meias: Marcos Acuña (Sporting), Ángel Di María (Paris Saint Germain), Leandro Paredes (Zenit), Lucas Biglia (Milan), Éver Banega (Sevilla), Alejandro Gómez (Atalanta), Eduardo Salvio (Benfica) e Emiliano Rigoni (Zenit).

Atacantes: Lionel Messi (Barcelona), Sergio Agüero (Manchester City), Mauro Icardi (Internazionale) e Paulo Dybala (Juventus).