Buffon afirma que Itália não pode deixar de sonhar

Referência da Seleção Italiana, goleiro mantém os pés no chão, mas não abre mão de pensar grande

Buffon afirma que Itália não pode deixar de sonhar
(Foto: Claudio Villa/GettyImages)

Na última terça feira (24), em evento promovido por um dos patrocinadores da Seleção Italiana, o capitão e líder da azzurra, Gianluigi Buffon, falou aos repórteres sobre as expectativas da tetracampeã do mundo no torneio continental.

"Começamos sob o radar, temos ausências importantes, mas não estamos com falta de espírito. Nós temos que ser modestos, mas sem abdicar de sonhar e pensar que podemos ter uma boa Euro. Temos de nos tornar uma equipe rapidamente. Há sete jogos, e em tão pouco tempo tudo pode acontecer, não é como uma campanha em uma Liga. Se você encontrar o equilíbrio certo, você pode ir longe”, analisou.

Ídolo também na campeã da Serie A, Gigi Buffon comentou sobre o quanto os jogadores da Juventus podem ajudar a Seleção Italiana: “Nós, da Juventus, estamos saindo de um ciclo vitorioso, por isso, podemos transmitir algumas coisas boas. Mesmo não sendo os mais fortes, o importante é não começar com um espírito resignado”.

Os comandados de Conte ainda farão dois amistosos antes do início do torneio, sem contar com Claudio Marchisio e Marco Verratti, ambos lesionados. No próximo domingo (29) a Azzurra entra em campo diante da Escócia, e no dia 02 de junho (segunda-feira) enfrenta a Finlândia. Ambos os adversários não jogarão a Eurocopa.

A Itália é a atual vice-campeã Europeia. Em 2012, a equipe perdeu a final para a Espanha por 4 a 0. A seleção tem um título da competição, que foi conquistado em 1968, ano em que o país foi sedie.