Grupo chinês responsável por clube de Ramires e Alex Teixeira adquire a Internazionale

Sunning Commerce será responsáveis por cerca de 68% das ações; o anúncio oficial do clube italiano deve sair amanhã

Grupo chinês responsável por clube de Ramires e Alex Teixeira adquire a Internazionale
Thohir (à direita) terá 31% das ações (Foto: Divulgação/Inter)

O grupo empresarial chinês Suning Commerce é o mais novo proprietário da Internazionale de Milão. Depois de muitos comentários, idas e vindas e bastante especulação sobre o assunto, os chineses anunciaram neste domingo (5), via Twitter, o acordo com a Inter. O grupo, da área de eletrodomésticos variados, também possui outro time de futebol, o Jiangsu Suning FC - equipe onde atuam os brasileiros Ramires, ex-Chelsea, e Alex Teixeira.

Os orientais teriam pago cerca de 750 milhões de euros para ter 68,55% das ações, ganhando assim o controle geral do clube. Enquanto isso, Erick Thohir, atual presidente interista, fica com 31%. O pouco que resta é dividido entre pequenos acionistas, algo sem muita significância para os rumos da agremiação.

Thohir chegou de uma vez por todas ao futebol italiano no final de 2013, quando comprou a parte das ações que pertencia a Massimo Moratti, histórico dono nerazzurro, tornando-se presidente da Inter. Sob comando do indonésio, que também possui negócios nos Estados Unidos - em NBA e Major League Soccer -, o conjunto de Milão não venceu qualquer título ou chegou a jogar a Uefa Champions League.

Na segunda-feira (6), a Inter deve anunciar de maneira oficial a troca de bastão. Por ora, nada ainda foi dito pelo clube.