Alvo do Real Madrid, Morata revela pedidos para permanecer na Juve: "Aqui sou como um Deus"

Atacante espanhol reconhece que decisão para ficar no clube não depende só dele, mas destaca ‘carinho divino’ recebido em Turim

Alvo do Real Madrid, Morata revela pedidos para permanecer na Juve: "Aqui sou como um Deus"
Morata está valorizado no mercado futebolístico (Foto: Paolo Bruno/Getty Images)

Em alta no mercado, o atacante Álvaro Morata ainda não sabe por qual clube irá atuar na próxima temporada. Decisivo em alguns jogos da Juventus desde que chegou a Turim, em julho de 2014, o espanhol pode retornar ao Real Madrid em breve, clube que o revelou para o futebol. Isso porque quando a diretoria merengue aceitou vender Morata à Juve, incluiu no contrato uma cláusura de recompra, avaliada em € 30 milhões.

Segundo os veículos de comunicação da Espanha, o Real Madrid pretende exercer o direito de recompra do atacante para repassá-lo a outros clubes por um valor maior. Arsenal, Chelsea e Manchester United estariam no páreo para contratar o atleta de 23 anos, que marcou dois gols contra a Turquia e ajudou a classificar a Espanha para as oitavas de final da Eurocopa 2016.

Embora reconheça que a decisão de permanecer na Juventus não depende dele, Morata ressaltou que o carinho recebido dos fãs bianconeri é semelhante a uma ‘idolatria divina’. “Todos os dias recebo mensagens de torcedores da Juventus que me pedem para eu ficar e isso me comove muito. Se continuo em Turim? Isso não sou eu que decido. Mas, claro, tenho de dizer a verdade: na Juventus sou como um Deus”, disse o jogador, em entrevista ao jornal italiano Tuttosport.

Desde que desembarcou em Turim para vestir a camisa da Juventus, Morata já atuou em 93 partidas, marcou 27 gols e forneceu 19 assistências. Ele foi decisivo nas semifinais da Uefa Champions League contra o próprio Real Madrid: balançou as redes nos jogos de ida e volta. A Juve, no entanto, acabou perdendo a final da competição para o Barcelona, por 3 a 1. Pela Vecchia Signora, o atacante contabiliza dois títulos de Serie A (2014/15 e 2015/16) e duas Copa Itália (2014/15 e 2015/16).