Após ser cogitado no Milan, Marco Giampaolo é anunciado como técnico da Sampdoria

Apontado para assumir o Diavolo antes da chegada de Montella, comandante assina contrato de dois anos com o clube genovês

Após ser cogitado no Milan, Marco Giampaolo é anunciado como técnico da Sampdoria
Foto: Getty Images

O nome de Marco Giampaolo esteve vinculado com o Milan, mas, apesar de toda a especulação envolvendo o nome de ambos, o ex-treinador do Empoli supreendeu e fechou com a Sampdoria por duas temporadas. A confirmação do negócio entre Giampaolo e os blucerchiati foi confirmado nesta segunda-feira (4), através de um comunicado no site oficial da Sampdoria.

"A UC Sampdoria comunica que foi atribuído a Marco Giampaolo o título de treinador responsável pela equipe principal. O treinador assinou um contrato de dois anos e será apresentado à imprensa na quarta-feira, 6 de julho, na sala de imprensa do centro esportivo Gloriano Mugnaini, em Bogliasco", dizia o comunicado.

Marco Giampaolo fez um grande trabalho à frente do Empoli, terminando a Serie A na décima colocação. O novo treinador irá substituir Vincenzo Montella que foi para o Milan, mas que realizou uma campanha negativa pela Sampdoria, encerrando a competição somente na 15ª posição, sendo por muito pouco que os blucerchiati não voltaram para a Serie B do futebol italiano. O grande desafio de Marco Giampaolo será levar a equipe genovesa novamente ao alto escalão do calcio.

Até o momento para a próxima temporada, foram confirmados dois velhos jogadores conhecidos na Sampdoria: o retorno do zagueiro brasileiro Jefferson Oliveira, que estava por empréstimo no Atlético CP de Portugal, e o meio-campista Jacopo Sala, que foi contratado em definitivo junto ao Hellas Verona.

O novo treinador da Sampdoria foi jogador profissional, mas não com destaque, jogando por clubes das divisões inferiores do futebol italiano. Encerrou a carreira de atleta em 1997 e de lá para cá iniciou a carreira de técnico. Foi auxiliar técnico no Pescara, Giulianova, Treviso e Ascoli, começando a ser treinador no Cagliari e ter passagens por Siena, Catania, Cesena, Brescia, Cremonese e Empoli.