Apresentado na Juventus, Pjanic justifica escolha do número 5: "Homenagem a Zinédine Zidane"

Bósnio ainda falou sobre como será encarar as partidas diante da Roma, rival da Juve e por onde atuou nas últimas cinco temporadas

Apresentado na Juventus, Pjanic justifica escolha do número 5: "Homenagem a Zinédine Zidane"
Pjanic custou cerca de € 32 milhões aos cofres juventinos (Foto: Divulgação/Juventus FC)

Visando manter sua hegemonia na Itália e sonhando com o título da Uefa Champions League, a Juventus apresentou mais um reforço para a temporada 2016/17. Trata-se do meio-campista Miralem Pjanic. Destaque da Roma, o bósnio acertou com a Velha Senhora pelos próximos cinco anos. 

Pjanic atuou nos últimos cinco anos pela equipe giallorossa, maior rival da Juventus nas ultimas temporadas. Quando questionado como seria encarar o agora ex-clube, o bósnio foi direto ao citar que não espera ser recebido de "braços abertos" principalmente quando atuar no Estádio Olímpico.

"Será um pouco estranho para mim porque eu passei cinco anos maravilhosos naquela cidade e naquele clube. Estou focado agora no meu novo time e nos meus objetivos que estabelecemos. Mas é claro que eu sei que provavelmente serei vaiado porque nunca é fácil trocar de equipe assim", afirmou o meia, em entrevista coletiva.

"Eu sabia como esse time era quando jogava contra. Agora, fazendo parte dele, vejo muitas coisas diferentes e entendo porque era sempre difícil chegar à frente da Juventus. Estou feliz aqui e estamos trabalhando muito. Estou à disposição da equipe para fazer grandes coisas, para continuar ganhando tudo o que foi conquistado na temporada passada e ainda mais. Certamente há uma diferença onde eu estava no passado e onde estou hoje. Para mim, não houve dúvida em dar um passo adiante na minha carreira", ressaltou.

O habilidoso meia ainda citou nomes extremamente importantes em sua posição de um passado até mesmo recente da Velha Senhora como referências.

"Pirlo é um grande jogador, foi o melhor meio-campista do Italiano e é um exemplo a ser seguido. Mas não vou copiar o jogo dele. A comparação é ótima, é claro, mas meu estilo talvez seja um pouco diferente. Já Zidane é o motivo da escolha de minha camisa, gosto do número 15 mas este não estava disponível, então peguei a 5 porque foi usada por ele, que é um dos grandes ídolos que tenho no esporte", concluiu.

Antes de apresentar Pjanic, o brasileiro Dani Alves já havia sido anunciado como reforço para a próxima temporada. A Velha Senhora defenderá o pentacampeonato do scudetto e da Copa Itália, contudo, a disputa da UCL será a prioridade dos comandados de Massimiliano Allegri.