Atacante Salah se mostra confiante na Roma: "Vamos lutar para ganhar"

Tecendo elogios aos companheiros, jogador egípcio afirma que, apesar dos reforços da Juventus, os giallorossi querem conquistar o Scudetto

Atacante Salah se mostra confiante na Roma: "Vamos lutar para ganhar"
Atacante Salah se mostra confiante na Roma: "Vamos lutar para ganhar"

A Roma segue sua preparação, visando a temporada que se inicia. Em meio a idas e vindas, o técnico Luciano Spalletti usa a pré-temporada para encaixar a equipe, que tem pela frente a disputa da Serie A e da Uefa Champions League, competição na qual os giallorossi estarão pela terceira edição seguida.

A saída de Miralem Pjanic para a Juventus trouxe a um jogador especial o aumento de sua responsabilidade: Mohamed Salah. O atacante, em sua segunda temporada com a camisa romanista, que já era um dos grandes nomes do time, assume o protagonismo no setor de ataque. Sobre a saída do ex-companheiro, Salah foi taxativo: decisão que cabia apenas a ele. "Pjanic fez a sua escolha, uma decisão pessoal, que pertencia a ele e que devemos respeitar. Desejo a ele sorte, continua a ser um amigo", declarou em entrevista à Sky Sports Italia.

Ainda a respeito da vecchia signora, o atacante egípcio fez sua análise, dizendo que a equipe de Turim contratou bem. Mas, o objetivo da Roma é conquistar o Scudetto. Lembrando da figura "boa praça" que é Spalletti, querido por todos, Salah diz que o esquema a ser implementado, baseado na movimentação intensa, dará problemas aos rivais. Sobre a Roma, o jogador espera ficar por muito tempo na equipe, reiterando o bom relacionamento com todos.

"A Juventus comprou bons jogadores, mas vamos lutar para ganhar o campeonato, não vai ser fácil, mas vamos dar o nosso melhor. Queremos dar uma grande alegria a todos os nossos fãs e sociedade. Spalletti é muito amado aqui em Roma, pelo clube, pelos fãs e pelos jogadores, especialmente por seu passado. Ele quer dar satisfação a todos os fãs e gestores. Nosso treinador gosta de movimentar os jogadores no campo e isso cria sempre problemas aos nossos adversários. Espero ficar aqui muito tempo. Estou bem nesta bela cidade e tenho um ótimo relacionamento com todos os meus companheiros", pontuou.

Salah também teceu elogios a Kevin Strootman, que esteve ausente da última temporada devido a uma lesão no joelho esquerdo. "É um jogador fantástico, aquele que sempre quer vencer, mesmo nos treinos. Ele voltou mais forte do que antes", declarou. Relativo ao companheiro de ataque, Edin Dzeko, o atleta comentou que gosta de atuar junto, pois o jogador bósnio é útil com e sem a bola. "a sorte esteve em falta na última temporada, mas eu gosto de jogar com ele porque ele sempre ajuda a equipe, mesmo quando não marca.", disse.
 

Il capitano não poderia ficar de fora da lembrança do atacante. É motivo de orgulho para Salah estar jogando ao lado de Francesco Totti, o maior jogador da história da Roma e um dos maiores de todos os tempos no futebol italiano. "Totti é Totti, eu não sei o que mais posso dizer. Para mim é um orgulho para jogar ao seu lado.", finalizou.