Com passagens por Milan e Roma, atacante Borriello é contratado pelo Cagliari

Muitos clubes estavam de olho no experiente centroavante, mas foi a equipe da Sardenha que levou a melhor e ficou com Borriello

Com passagens por Milan e Roma, atacante Borriello é contratado pelo Cagliari
Foto: Divulgação/Cagliari

Pela 13ª vez na carreira, o atacante Marco Borriello está de clube de novo. Nesta última quarta-feira (4), o Cagliari anunciou oficialmente a contratação do experiente jogador, que vinha sendo sondado por muitas outras equipes, porém, o time da Sardenha levou a melhor. Borriello chega de graça à Sardenha e assinou um contrato válido por uma temporada, tendo a opção de renovação para mais um ano.

No site oficial Rossoblu, o clube soltou uma nota oficializando a negociação com o experiente atacante: "Marco Borriello é um jogador do Cagliari. O atacante assinou um contrato que liga-o ao Rossoblu por uma temporada, com opção de uma segunda. Muitos gols em torno da Itália e Marco agora passou ao nosso lado. Bem-vindo, bomber", dizia.

Marco Borriello ganhou destaque no cenário do futebol italiano após suas boas passagens por Genoa, Milan e Roma. Durante este tempo chegou inclusive a ingressar na seleção italiana, mas não conseguiu fazer gols nem jogar bem. Temporada passada o atacante defendeu dois clubes, o Carpi no primeiro turno e a Atalanta no segundo, mas marcou apenas quatro tentos em ambas equipes.

Após ter sido campeão da Serie B na última rodada, o Cagliari não quer voltar tão cedo para a segunda divisão do futebol italiano, por tanto, a diretoria Rossoblu está muito ativa no mercado de transferência. Até agora foram seis contratações, sendo quatro delas jogadores com mais de 30 anos, visivelmente apostando na experiência. Chegaram o goleiro Rafael Pinheiro (ex-Hellas Verona), o zagueiro português e campeão da Eurocopa Bruno Alves (ex-Fenerbahçe), os meias Simone Padoin (ex-Juventus), Marko Pajac (ex-Celje) e Artur Ionita (ex-Hellas Verona), e por fim o atacante Marco Borriello (ex-Atalanta)

Aos 34 anos, Borriello foi revelado pelo Milan, tendo passagens por Treviso, Triestina, Empoli, Reggina, Sampdoria, Genoa, Roma, Juventus, West Ham, Carpi e Atalanta. Pela seleção italiana foram sete partidas e nenhum gol marcado.