Bacca diz estar feliz por continuar no Milan e almeja jogar na Europa pelo clube

Atacante descartou ofertas de outros clubes e permanecerá em Milão para tentar levar os rossoneri de volta às glórias

Bacca diz estar feliz por continuar no Milan e almeja jogar na Europa pelo clube
Bacca deve ser titular contra o Torino, no domingo (21), pela Serie A (Foto: Divulgação/Milan)

Carlos Bacca esteve para deixar o Milan nesta janela de transferências depois de receber ofertas das principais ligas europeias. O atacante colombiano, contudo, recusou todas as propostas e, ao que tudo indica, deve permanecer no clube italiano para a temporada 2016/17. Em entrevista nesta quinta-feira (18) à Milan TV, o camisa 70 expressou sua felicidade por continuar vestindo a camisa rossonera.

Muitas coisas foram ditas. Havia algumas equipes que queriam me contratar, mas, no final, resolvi ficar e estou feliz com a minha decisão. Agora, eu só quero trabalhar a fim de estar pronto para o início da temporada”, disse Bacca, que deve ser titular no primeiro jogo da Serie A 2016/17, contra o Torino, no domingo (21), às 13h, no San Siro.

Desde quando chegou ao Milan, no início da última temporada, Bacca sempre deixou claro sua ambição pela Uefa Champions League. No entanto, abriu mão de jogá-la pelo clube espanhol e optou por se transferir aos rossoneri, cujo a última participação foi na edição 2013/14.

Ter a oportunidade de jogar na Europa é muito importante para mim, e isso era uma das razões pela qual eu pensei em deixar o Milan para jogar em uma equipe que estivesse na Champions League. Mas depois eu pensei com mais calma e lembrei do dia que eu deixei o Sevilla, que iria para a Champions, para vir ao Milan. Meu sonho é jogar na Europa com a camisa vermelha e preta”, destacou.

Bacca, por fim, exaltou o trabalho do treinador Vincenzo Montella à frente da equipe milanista. “Nós estamos nos adaptando às exigências de Montella. Ele tem um estilo de jogo muito ofensivo. Desde o primeiro dia ele foi muito claro comigo. Estou fazendo o meu melhor para dar o que o técnico quer de mim e estou certo que os resultados virão”, encerrou.