Napoli doará parte da arrecadação diante do Milan para vítimas de terremoto

Presidente Aurelio De Laurentiis anunciou a ajuda aos atingidos pela tragédia em sua conta no twitter

Napoli doará parte da arrecadação diante do Milan para vítimas de terremoto
(Foto: Marco Luzzani/GettyImages)

Nesta quinta feira (25), o presidente do Napoli, Aurelio De Laurenttis, conhecido por polêmicas declarações, anunciou em sua conta no Twitter que parte do dinheiro arrecadado com os ingressos da partida de sábado (27) diante do Milan, pela segunda rodada da Serie A, será destinado para auxiliar as vítimas do terremoto que atingiu a Itália na última quarta-feira (24).

Um forte tremor foi registrado no centro da Itália na última quarta feira. Segundo o departamento de segurança Civil da Itália, já foram registrados 159 mortos, e pelo menos 360 feridos. O terremoto atingiu a magnitude de 6,2 graus na escala Richter, e ocorreu entre as cidades de Perugia e Rieti, cerca de 150 km de distância da capital Roma. O número de mortos e feridos ainda pode subir, visto que ainda existem pessoas debaixo dos escombros.

Em virtude disso, por meio de seu Twitter, Aurelio De Laurenttis lamentou o ocorrido e anunciou a ajuda aos necessitados:

“Como todo mundo estou chocado com o trágico terremoto. Eu conheço bem esse país, como uma criança que passou tanto tempo com a família. Decidi doar uma parte da arrecadação de Napoli-Milan em favor das populações afetadas. A utilização dos fundos será definida de comum acordo com a Defesa Civil”, escreveu.

Uma bela atitude do comandante Napolitano, que tem fama de polêmico e mau educado. Recentemente, o Real Betis anunciou que estava desistindo da contratação do volante Partenopei David Lopez, alegando maus modos e desleixo do próprio De Laurenttis durante a negociação do atleta espanhol.

A partida com o Milan será no sábado, às 15h45, no estádio San Paolo. A equipe mandante vem de empate, fora de casa, diante do Pescara, por 2 a 2. Já os visitantes estraaram no campeonato com vitória diante do Torino, em casa, por 3 a 2.