Borja Valero lamenta empate com Milan: "Dominamos o adversário"

Espanhol ressaltou a superioridade da Fiorentina no duelo que poderia ter levado a equipe de Florença às primeiras colocações

Borja Valero lamenta empate com Milan: "Dominamos o adversário"
Borja Valero lamenta empate sem gols frente ao Milan: "Dominamos o adversário"

Em duelo válido pela sexta rodada da Serie A, Fiorentina e Milan não saíram do zero na tarde do último domingo (25), no Artemio Franchi. Superior durante boa parte dos 90 minutos disputados, a Viola ainda despediçou uma cobrança de pênalti logo no início do confronto, com Ilicic, e acabou perdendo uma grande oportunidade de chegar perto da zona de classificação para a próxima Uefa Champions League com uma partida a menos que seus rivais.

Após o apito final, o meio-campista espanhol Borja Valero lamentou o resultado, e desviou o assunto quando questionado sobre uma possível falta em Luiz Adriano próximo à área da Fiorentina, nos minutos finais da partida: "Houve alguma falta no final? Eu estava longe do lance, então não vi muito bem, prefiro não comentar", declarou ao canal Mediaset Premium.

"Acredito que o resultado não tenha sido o justo para nós. Dominamos o jogo inteiro, e não deixamos eles criarem praticamente nada. Deveriam estar felizes com o placar. Queríamos muito esses três pontos, tivemos muitas finalizações à gol que infelizmente não entraram, vamos seguir neste caminho para conquistar o resultado positivo nos próximos jogos", ressaltou Borja.

Com 31 anos de idade, e na Fiorentina desde a temporada 2012/13, Borja Valero tem contrato com a Viola até o fim de 2018. Entre altos e baixos desde o fim do ano passado, o experiente meio-campista revelou seu desejo de permanecer no clube até o fim de seu vínculo, na verdade, foi um pouco mais além.

"Minha vontade é de encerrar minha carreira profissional pela Fiore, e seguir como diretor ou com qualquer outro cargo dentro deste clube", revelou.

Atualmente na 11ª colocação da liga italiana, a Fiorentina busca retomar o caminho das vitórias na Itália no próximo domingo (2), quando visita o Torino no Estádio Olímpico de Turim.