Allegri aprova vitória da Juve sobre Napoli: "Melhor atuação desde a temporada passada"

Técnico também garante que triunfo não é decisivo para a corrida pelo título da Serie A

Allegri aprova vitória da Juve sobre Napoli: "Melhor atuação desde a temporada passada"
Foto: Giuseppe Cacace/AFP

O treinador Massimiliano Allegri se mostrou satisfeito com o desempenho da Juventus na vitória diante do Napoli, por 2 a 1, em Turim, pela 11ª rodada da Serie A. Em entrevista à Sky Sports Italia após o jogo, o comandante afirmou que a atuação de sua equipe neste sábado (29) foi a melhor da atual temporada.

Esse jogo foi muito disputado, intenso e equilibrado, visto que no segundo tempo nós corremos alguns riscos nas situações de um contra um. No erro de Ghoulam [lateral-esquerdo do Napoli] nós ficamos na frente. O jogo foi um pouco sem graça em termos de ritmo no início, mas com intensidade reforçada. Houve poucas chances de gol, o que é natural nesses grandes jogos. Foi certamente o melhor desempenho desde a temporada passada”, analisou.

Allegri também explicou que tirou o meio-campista Miralem Pjanic para descansá-lo. O italiano Claudio Marchisio entrou no lugar do jogador bósnio. “Pjanic trabalhou duro na defesa e acho que lhe faltou gás, porque ele estava cansado e vem jogando muito ultimamente”, disse o técnico, que exaltou Pjanic.

Ele tinha dado um bom passe para Higuaín no primeiro tempo. Ele tem características diferentes das de um meia clássico, mas pode melhorar quando estiver mais lúcido e menos cansado”, pontuou.

Protagonista do duelo, Gonzalo Higuaín realizou seu primeiro jogo contra sua ex-equipe e marcou o gol da vitória. Por respeito à sua história no Napoli, o camisa 9 não comemorou o tento, fato que não amenizou a raiva que a torcida napolitana sente por ele. Allegri saiu em defesa do argentino e ainda o elogiou.

Gonzalo tem qualidades extraordinárias e, sobretudo, trabalha duro em prol da equipe. Ele estava muito feliz porque, naturalmente, esse era um jogo especial para ele. Higuaín fez uma escolha de vir para a Juve e absolutamente não deve se sentir como um traidor. Em vez disso, ele tomou uma decisão corajosa”, garantiu.