Juventus apenas empata com Lyon e adia vaga antecipada nas oitavas

Bianconeros saem vantagem ainda no primeiro tempo, mas cedem empate aos franceses, perdendo também a liderança do Grupo H

Juventus apenas empata com Lyon e adia vaga antecipada nas oitavas
Foto: Marco Bertorello/AFP/Getty Images
Juventus
1 1
Lyon
Juventus: Buffon; Dani Alves, Barzagli, Bonucci (Benatia, min. 67) e Evra; Khedira, Marchisio, Sturaro e Pjanic (Alex Sandro, min. 67); Higuaín (Cuadrado, min. 82) e Mandzukic. Técnico: Massimiliano Allegri
Lyon: Lopes; Rafael, Diakhaby, Mammana e Morel; Gonalons, Tolisso, Ghezzal e Rybus (Cornet, min. 71); Lacazette e Fekir (Darder, min. 77). Técnico: Bruno Génésio
Placar: 1-0, min. 12, Higuaín; 1-1, min. 84, Tolisso
ÁRBITRO: Björn Kuipers (NED). Cartões amarelos: Pjanic (min. 37), Marchisio (min. 84), Sturaro (min. 88) e Ghezzal (min. 92)
INCIDENCIAS: Partida válida pela 4ª rodada do Grupo D da Uefa Champions League 2016/17, disputada no Juventus Stadium, em Turim, na Itália

Ainda invicta na fase de grupos, a Juventus duelou contra o Lyon, na noite desta quarta-feira (2) no Juventus Stadium em Turim, buscando também se classificar às oitavas de final, em confronto válido pela 4ª rodada do Grupo H da Uefa Champions League 2016/17. Apoiada na força da torcida, a Juve até saiu em vantagem com gol de Higuaín, de pênalti, mas cedeu o empate por 1 a 1; Tolisso descontou.

Com o empate, os italianos chegam aos oito pontos ganhos, adiando a classificação à próxima fase, restando dois jogos no grupo. Quem se garantiu nas oitavas foi o Sevilla, que superou o Dinamo Zagreb. Enquanto isso, os franceses mantém viva a possibilidade de avançar à Europa League, pois possuem quatro pontos e farão embate direto ante os croatas.

Os times voltam a campo, pela 5ª rodada da Champions, daqui a três semanas, no dia 22, ambos às 17h45 (de Brasília). Os bianconeros vão para a Espanha encarar os Rojiblancos no Ramón Sánchez Pizjuán, já os Gones visitarão os eliminados de Zagreb na Croácia, no Maksimir, em jogo que poderá definir a equipe a se garantir nos 16 avos de final da UEL.

Juventus é mais eficaz e sai em vantagem

Apesar de momentos opostos na classificação, Juventus e Lyon foram a campo buscando a vitória a todo custo. Um, precisando vencer para se classificar às oitavas de final, outro, tentando apostar suas últimas fichas na maior competição de times da Europa. Mesmo fora de casa, os franceses criaram a primeira boa oportunidade, quando Rybus foi elemento surpresa e chutou cruzado, mas esbarrou em boa defesa de Buffon.

Mais leves, os italianos conseguiram se recompor do susto e foram ao ataque buscando sair em vantagem. Com mais calma, saíram à frente do placar. Depois de receber bom passe na pequena área, Mandzukic foi derrubado por Diakhaby e o juiz, sem alarde, apontou à marca da cal. Com categoria, Higuaín bateu tirando de Lopes e promoveu uma verdadeira festa.

Bianconeros levam a melhor no equilíbrio e largam à frente (Foto: Marco Bertorello/AFP/Getty Images)
Bianconeros levam a melhor no equilíbrio e largam à frente (Foto: Marco Bertorello/AFP/Getty Images)

Melhor em campo, a equipe anfitriã não deixou de atacar e teve nova chance de tenta ir às redes. Evra cruzou da esquerda, porém a defesa dos Gons afastou o perigo. No rebote, Marchisio encheu o pé e a bola passou muito próxima à meta dos visitantes, com o camisa 1 somente observando a trajetória.

Nos minutos finais, os donos da casa chegaram mais perto de marcar o segundo tento. Mandzukic tomou a bola do marcador, arrancou em velocidade e serviu La Pipita, livre no meio da área. Ainda sem ter os adversários marcando-o, o centroavante argentino arriscou de perna esquerda e sem direção, isolando a finalização.

Juventus toma empate no fim e adia classificação

Para a etapa final, as equipes voltaram com a mesma postura tática e na mesma disposição, sem realizar mudanças no intervalo. Com mais posse de bola desde o primeiro tempo, a Juve manteve o momento de maior vontade na busca por resultado positivo, mas sem criatividade, o que deixou o jogo sem muitas emoções.

Tentando dar novo gás ao setor ofensivo, Allegri promoveu a entrada do brasileiro Alex Sandro ao meio-campo do bianconero, com Pjanic sendo sacado dos 11. Logo no primeiro minuto em campo, o atleta foi ao ataque e infernizou a defesa adversária, porém sem levar o perigo que esperava.

Italianos exploram superioridade no placar para garantir vitória (Foto: )
Italianos exploram superioridade no placar para garantir vitória (Foto: Marco Bertorello/AFP/Getty Images)

Do meio para o final, o técnico francês decidiu realizar duas mexidas nos comandados afim de corrigir os erros, já que o camisa 1 italiano pouco trabalhou. O atacante Cornet entrou no espaço antes ocupado por Rybus, enquanto o meia Darder ficou com a vaga de Fekir. Essas alterações deixaram o Lyon mais ligado, aproveitando bem o espaço cedido.

Com jogadas infilitradas, os Gones conseguiram deixar tudo igual em pleno Juventus Stadium. Em bola levantada na pequena área, Tolisso surgiu bem e apenas escorou para o fundo do barbante, calando toda a torcida mandante. Nos acréscimos, mais completos, quase foram às redes para a virada. Com falha incrível do sistema defensivo italiano, a sobra caiu com Lacazette, que perdeu grande oportunidade e fez o placar terminar igualado.