Luciano Spalletti revela cansaço e elogia elenco da Roma por boa atuação contra Bologna

Técnico disse que esperava uma performance abaixo da média por conta de lesões

Luciano Spalletti revela cansaço e elogia elenco da Roma por boa atuação contra Bologna
Spalletti comandando seu time contra o Bologna (Foto: Silvia Lore/NurPhoto via Getty Images)

A vitória da Roma por 3 a 0 sobre o Bologna pode ter parecido tranquila para os torcedores giallorossi, por conta do placar dilatado. Apesar disso, o treinador Luciano Spalletti teve algumas críticas à postura da equipe, mas não assumiu tom incisivo, justificando erros com o cansaço acumulado da equipe, principalmente após o último compromisso continental. Na última quinta-feira (3), o clube italiano foi à Áustria para enfrentar o Áustria Viena, pela Uefa Europa League, vencendo os austríacos pelo placar de 4 a 2.

O pouco tempo de descanso foi eleito por Spalletti como um dos motivos pelos quais os romanistas poderiam apresentar rendimento abaixo da média. No entanto, até mesmo o técnico ficou surpreso com o que viu: "Não estivemos bem no primeiro tempo. Voltamos melhores depois do intervalo, o que é estranho, já que eu esperava uma queda de rendimento por termos jogado na noite de quinta. Achei que estaríamos fora de ritmo, mas apenas começamos lentamente e então trocamos de marcha. Terminamos o jogo de forma fantástica e você tem que aplaudir os jogadores pela partida de hoje", afirmou o italiano.

Além de ter enfrentado essa "maratona" de jogos, a Roma também sofre com um departamento médico lotado. Mais um problema que, segundo Spalletti, está sendo superado: "O clube conseguiu montar um elenco competitivo. Tivemos muitas lesões, mas ao mesmo tempo, os jogadores que estavam menos envolvidos se impuseram. Você tem que se adaptar em situações assim e estamos conseguindo fazer isso. Por exemplo: Nainggolan jogou como lateral-direito no fim do jogo e foi excelente. Gostaríamos de ter mais equilíbrio porque, quando você cria oito boas chances, tem que marcar em pelo menos uma", ressaltou.

Com a vitória, os giallorossi voltaram à segunda colocação da Serie A, ficando apenas quatro pontos atrás da Juventus, reeditando uma disputa que vem dominando a briga pelos títulos nacionais da Itália. O técnico romanista manteve os pés no chão, mas demonstrou confiança na capacidade do elenco para disputar o título: "Não sei se somos os principais desafiantes, mas tiramos pontos de todos depois do último recesso internacional, o que mostra que os outros times também vêm tendo problemas. Estamos nos adaptando à uma situação de emergência. Quando você joga com muitos jogadores fora de posição, geralmente acontecem alguns problemas, mas temos profissionais na Roma que mostraram um sacrifício real", afirmou Spalletti.