Site italiano aponta Mahrez, do Leicester, na mira do Milan

Futuro diretor esportivo rossonero, Massimiliano Mirabelli foi à Inglaterra e contatou o clube inglês sobre o jogador

Site italiano aponta Mahrez, do Leicester, na mira do Milan
Mahrez é um dos principais nomes do Leicester, surpresa da última Premier League (Foto: Getty Images)

Novo diretor esportivo do Milan, o italiano  Massimiliano Mirabelli tem feito diversas viagens pela Europa para observar nomes que podem chegar ao Diavolo já na próxima janela de transferências do mercado europeu, em janeiro. De acordo com o Calcio Mercato, um deles é Riyad Mahrez, de 25 anos, destaque do Leicester City.

O site afirma que Mirabelli esteve por cinco dias na Inglaterra e aproveitou para ir a jogos; dois deles, em especial, foram do atual campeão da Premier League, comandado pelo veterano Claudio Ranieri. O diretor teria feito um contato com o clube inglês acerca de Riyad, com o objetivo de aproximá-lo do Milan.

Mahrez chegou ao Leicester em janeiro de 2014 e ganhou projeção mundial no título do campeonato nacional de 2015-2016, quando marcou 17 gols e realizou 11 assistências. As boas aparições do jogador o fizeram estar no radar de grandes clubes do continente como o Arsenal, que ofereceu € 30 milhões, valor recusado.

Ainda segundo o site, o maior problema dos rossoneri será convencer o jogador a ir a Milão, tendo em vista o montante que o meia receberá até o fim de junho de 2020, € 6 milhões, caso lá permaneça. A equipe italiana teria que pagar ao menos a mesma quantia que o atual clube está compromissado a desembolsar. 

O Milan vive uma fase de transição, sendo vendindo ao grupo Sino-Europe Sports, que promete investir € 350 milhões nas próximas temporadas, incluindo a atual. Sob o comando de Vincenzo Montella, o time ocupa a terceira colocação da Serie A, com 25 pontos, a cinco da líder Juventus, e almeja voltar à principal competição europeia na sua próxima edição.

O argelino disputa, atualmente, a Uefa Champions League; em quatro partidas, marcou três gols. Seu clube lidera o Grupo G com dez pontos. Sua ida a Milão poderia ajudar o sistema ofensivo da equipe, que hoje conta com nomes como Giacomo Bonaventura, Suso, M'Baye Niang e Carlos Bacca, e é o oitavo melhor do Campeonato Italiano.