Seu time precisa de goleiro? Ex-Cruzeiro, Gabriel deve seguir mais um ano às sombras no Milan

Há cinco temporadas na Itália, goleiro brasileiro ainda luta por seu espaço no clube de Milão

Seu time precisa de goleiro? Ex-Cruzeiro, Gabriel deve seguir mais um ano às sombras no Milan
Gabriel está entre a quarta ou quinta opção para a meta milanista em 2017/18 (Foto: Divulgação/AC Milan)

Dividindo opiniões, o Milan acertou na última terça-feira (11) a renovação de Gianluigi Donnarumma, após o jogador ter rejeitado a proposta anterior do clube, no mês passado.

Para completar, o Diavolo ainda confirmou a contratação de outro arqueiro: Antonio Donnarumma, irmão de 'Gigi', sendo assim a oitava transação do clube milanista nesta temporada: Mateo MusacchioFranck KessiéRicardo RodríguezAndré SilvaFabio Bo,riniHakan Çalhanoglu Andrea Conti foram outros nomes que chegaram ao clube.

Se muitos nomes chegam, outros acabam perdendo, automaticamente, espaço dentro do elenco. E é neste fator que se enquadra uma das peças mais promissoras das últimas temporadas da equipe de Milão.

Contratado pelo Milan em 2012 com apenas 19 anos de idade, junto ao Cruzeiro, Gabriel chegou à Itália como uma grande promessa. Sem muito espaço pela pouca experiência, o jogador sofreu para disputar partidas pelo clube em suas duas primeiras temporadas. Neste período, entrou em campo em apenas sete ocasiões (suas únicas aparições pela equipe).

+ Sétimo reforço: destaque da Atalanta, lateral Andrea Conti acerta com Milan

Nas sombras dos experientes Christian Abbiati e Diego López, Gabriel viu suas chances de atuar pelo Milan diminuírem ainda mais com a ascensão de Donnarumma, unanimidade desde os 16 anos de idade na equipe. Diante desse cenário, o brasileiro cansou de ser emprestado para outras equipes da Itália. Seu primeiro destino foi o Carpi, onde obteve sua maior sequência de partidas desde sua chegada ao Velho Continente.

Atualmente o Milan conta com cinco goleiros: irmãos Donnarumma, Marco Storari, Alessandro Plizzari e Gabriel

Vestindo o manto biancorosso, Gabriel disputou 39 partidas na temporada 2014/15. Após o término de seu empréstimo, retornou ao Milan, mas novamente foi cedido temporariamente, desta vez ao Napoli.

Em Nápoles, novamente conviveu com a falta de oportunidades, entrando em campo apenas quatro vezes.

Gabriel em ação pelo Napoli; goleiro defendeu o clube partenopeu em 2015 (Foto: Andrea Spinelli/Getty Images)
Gabriel em ação pelo Napoli; goleiro defendeu o clube partenopeu em 2015 (Foto: Andrea Spinelli/Getty Images)

Sua última aventura aconteceu em Cagliari na jornada passada, mas o clube que aparentemente deveria proporcionar uma boa sequência de partidas para Gabriel acabou sendo completamente o inverso, já que o garoto seguiu ofuscado novamente pela presença de um experiente goleiro: Rafael Pinheiro. Consagrado no Hellas Verona, o também brasileiro havia chegado ao Cagliari na temporada retrasada por empréstimo, mas assinou em definitivo com a equipe no ano passado.

Ao fim de mais um empréstimo, e diante da presença dos irmãos Donnarumma no Milan, Gabriel provavelmente será negociado pela quarta vez. Aos 24 anos e sem grandes atuações, cabe o questionamento: o Diavolo seguirá acreditando no brasileiro? Ou irá se desfazer do mesmo?

Gabriel segue às sombras no Milan (Foto: Divulgação/AC Milan)
Gabriel segue às sombras no Milan (Foto: Divulgação/AC Milan)

Share on Facebook