Bem recepcionado pelo San Siro, Donnarumma se declara ao Milan: "Orgulho de vestir essa camisa"

Polêmicas à parte, jovem goleiro se diz surpreso com reação positiva da torcida milanista e agradece apoio

Bem recepcionado pelo San Siro, Donnarumma se declara ao Milan: "Orgulho de vestir essa camisa"
Donnarumma foi bem recepcionado pela torcida rossonera, que lotou o San Siro (Foto: Divulgação/AC Milan)

Diversas temporadas se passaram, mais precisamente mil dias de hiato, mas o Milan finalmente voltou a disputar, nesta quinta-feira (3), uma partida internacional em sua casa. Em jogo válido pela volta da terceira fase classificatória da Uefa Europa League, o Diavolo venceu com tranquilidade o Craiova, da Romênia, no San Siro, e avançou à próxima fase da competição. Na semana passada, os italianos já haviam derrotado os romenos pelo placar mínimo.

O confronto desta tarde também marcou outro reencontro repleto de expectativas: o do arqueiro Gianluigi Donnarumma com a torcida milanista. 

+ Montella não define capitão do Milan, mas avisa: "Bonucci é candidato, assim como Biglia"

Gianluigi é, há um bom tempo, o melhor jogador do Milan dentro das quatro linhas. Com grande potencial para se tornar ídolo de uma das maiores equipes do mundo, o jogador recusou as propostas de renovação do clube no fim do primeiro semestre, causando a revolta dos torcedores rossoneri. Contudo, o goleiro reviu sua decisão e acabou acertando a extensão de seu vínculo no início do mês passado.

O sorteio que define o próximo adversário do Milan acontece na manhã desta sexta-feira (4)

Mesmo permanecendo no clube, a divergência de opiniões seguiu grande dentro da própria massa milanista. Todavia, a recepção pacífica dos fãs na vitória diante dos romenos demonstrou que Donnarumma tem tudo para recuperar seu status dentro do clube.

"Agradeço aos torcedores pela recepção que tive hoje. Eu não esperava isso, mas estou feliz com a forma como eles me recepcionaram, e prometo que vou sempre dar tudo por esta camisa", disse o jogador, em entrevista à Milan TV.

+ Olha a treta: dirigentes de Milan e Roma trocam farpas sobre finanças dos clubes

"Pelo que me diz respeito, seguirei como se nada tivesse acontecido. Eu sempre fui eu mesmo dentro e fora de campo, e vou permanecer tentando ajudar meus companheiros, quero agradecer muito a eles por este resultado. Muitos jogadores novos chegaram e devemos criar um vínculo entre nós. Sobretudo, dedico esta vitória a minha família, que sempre esteve comigo. Tenho muito orgulho de vestir a camisa do Milan", finalizou o goleiro.

O próximo compromisso do Milan será contra o Bétis, na próxima semana, em seu último amistoso preparatório. Já a estreia na Serie A acontece no dia 21, diante do Crotone, na Calábria. 


Share on Facebook