Allegri revela que quase pediu demissão após derrota para Real Madrid na final da UCL

Técnico da Juventus relatou ao site Player's Tribune que por pouco não deixou o cargo após derrota em Cardiff

Allegri revela que quase pediu demissão após derrota para Real Madrid na final da UCL
Massimiliano Allegri renovou contrato até 2020 (Foto: Getty Images)

Mesmo após vencer o hexacampeonato italiano e a Copa da Itália, o técnico da Juventus, Massimiliano Allegri, sentiu o gosto da derrota ao final da temporada 2016/17. Após ser derrotado por 4 a 1 para o Real Madrid, em Cardiff, depois de um bom primeiro tempo, o time acabou dominado pelo pelos espanhóis na final da Uefa Champions League. Em um relato feito ao portal Player's Tribune, o comandante italiano revelou que pensou em pedir demissão após a derrota.

Eu deixei Cardiff com o time e voltei à Itália. Na noite seguinte, quando eu fui para casa, eu tive que me fazer uma pergunta muito difícil: é o fim do caminho? Esse é o mais longe que eu posso levar esse time?”, escreveu o treinador. “Eu pensei se eu deveria escrever o meu capítulo final da minha história na Juventus. Parte de mim pensava em caminhar na segunda e respeitosamente pedir demissão”.

Ainda na publicação, Allegri afirmou que seguiu no comando da Vecchia Signora porque acredita no trabalho feito até agora e que não se sente um técnico, mas sim um professor. "Eu não penso em mim mesmo como um técnico. Eu penso em mim mesmo como um treinador de categorias de base. Eu faço isso porque eu amo ensinar. É verdadeiramente o prazer da minha vida. Eu gosto de tornar os jogadores melhores e mais inteligentes", contou.

Em junho, a Juventus anunciou a renovação do contrato de Allegri até 2020. O técnico faz projeções e espera que a temporada 2017/18 traga bons frutos ao time de Turim. "Eu sei que podemos reconstruir dos escombros de Cardiff. Eu sei que podemos ter uma grande temporada. Eu sei que podemos fazer uma grande campanha na Champions League. Eu sei o que será amanhã de manhã. E a próxima manhã. E a manhã seguinte. Então, nós temos apenas que continuar trabalhando", sublinhou.


Share on Facebook