Com Douglas Costa valorizado, Juventus domina ranking dos maiores salários da Serie A

Brasileiro possui o quarto maior salário dentre os atletas que disputam o campeonato italiano, à frente dos artilheiros Dzeko, Mertens e Icardi

Com Douglas Costa valorizado, Juventus domina ranking dos maiores salários da Serie A
(Foto: Claudio Villa/Getty Images)

Na manhã desta quinta-feira (7), o famoso periódico italiano Gazzetta dello Sport divulgou, como faz anualmente, uma lista completa dos salários de jogadores e treinadores em atividade na Serie A 2017/18.

Com o maior investimento e valor de mercado, a atual hexacampeã Juventus domina o ranking de maiores salários. Dentre os cinco atletas mais bem pagos, três vestem a camisa da Vecchia Signora: Gonzalo Higuaín (€ 7,5 milhões), Paulo Dybala (€ 7 milhões) e o brasileiro Douglas Costa (€ 6 milhões). Os milanistas Leonardo Bonucci (€ 7,5 milhões) e o goleiro Gianluigi Donnarumma (€ 6 milhões) completam a lista.

Confira, por posição, a lista dos 11 mais bem pagos da Serie A:

Atletas mais bem pagos por posição, de acordo com a Gazzetta (Foto: Reprodução/Gazzetta Dello Sport)

O jovem Donnarumma, considerado pupilo e herdeiro de Gianluigi Buffon na Seleção Italiana, já superou o 'mestre', no quesito salarial. Com apenas 18 anos, o arqueiro rossonero recebe, anualmente, 1/3 a mais que o capitão bianconero.

Recém-chegado à Turim, Douglas Costa já desponta como uma das principais estrelas do campeonato, ao menos, no que diz respeito aos seus ganhos anuais. Seu salário é maior que o de Edin Dzeko (Roma), Dries Mertens (Napoli) e Mauro Icardi (Internazionale), alguns dos principais goleadores da Serie A na temporada 2016/17.

Falando em artilharia, um das curiosidades da lista divulgada pela Gazzetta dello Sport é o baixo salário de Andrea Belotti: € 1,5 milhões. Com 26 gols anotados na última edição do campeonato, o centroavante do Torino chegou a ser especulado em grandes clubes da Europa, mas acabou permanecendo no clube Granata

(Foto: Pier Marco Tacca/Getty Images)

Na Lazio, atual campeã da Supercopa Italiana, os maiores salários são dos recém-contratados Nani e Lucas Leiva, ambos com € 2,5 milhões/anuais.

Dentre os treinadores, o maior salário é de Massimiliano Allegri (Juventus), seguido por Luciano Spalletti (Inter), Vincenzo Montella (Milan), Eusebio Di Francesco (Roma) e Sinisa Mihajlovic (Torino). Maurizio Sarri, comandante do Napoli, é apenas o sexto nesta lista.

Ilustrando as informações, a Gazzetta dello Sport também trouxe um gráfico com os valores totais das folhas salariais de cada equipe. Mais caro da Itália, o elenco juventino custa mais que o dobro do elenco napolitano. O Milan, após grandes contratações na última janela de transferências, já desponta na segunda posição, com € 117 milhões de gastos anuais em salários.

(Foto: Reprodução/Gazzetta dello Sport)